Bahia leva virada no final e perde para o Ceará em Pituaçu

e.c. bahia
21.10.2019, 21:34:00
Atualizado: 21.10.2019, 21:53:08
Em noite de desempenho fraco, Élber tenta passar pela marcação do Ceará (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia leva virada no final e perde para o Ceará em Pituaçu

Tricolor perde mais uma vez a chance de entrar no G6 do Brasileirão

O roteiro do duelo entre Bahia e Ceará, na noite desta segunda-feira (21), em Pituaçu, aconteceu de forma bem diferente do que a torcida tricolor esperava. Depois de abrir o placar e ficar momentaneamente na 5ª colocação, o Esquadrão levou dois gols em nove minutos, viu o time cearense virar a partida e vencer por 2x1. No fim do jogo, muitas vaias das arquibancadas.

Foi o terceiro tropeço seguido do tricolor dentro de casa. O resultado deixou o time com 41 pontos, na oitava colocação da Série A, a um ponto do Internacional, primeiro time dentro do G6.

Antes da bola rolar, Bahia e Ceará protestaram contra o desastre ambiental nas praias do Nordeste. Enquanto o tricolor entrou em campo com uma camisa “manchada de petróleo”, o time cearense usou luvas pretas e punho cerrado durante o hino nacional.

No time, a novidade foi o retorno de Nino Paraíba, recuperado de lesão na panturrilha. O lateral havia desfalcado o Bahia nas duas últimas rodadas. Quando a bola rolou, o jogo não foi lá tão bonito quanto a ação dos dois clubes.

Sentindo um pouco da diferença entre o gramado de Pituaçu e o da Fonte Nova, o Bahia começou a partida explorando a ligação direta entre defesa e ataque e encontrou dificuldade para furar o bloqueio cearense. Quando Guerra acertou o lançamento, Élber levou na linha de fundo e cruzou para Gilberto. O camisa 9 foi travado pelo defensor e não conseguiu finalizar.

O jogo só voltou a esquentar a partir dos 26 minutos. Em nova trama com Élber, Guerra achou Gilberto. O atacante tentou devolver para o venezuelano, mas João Lucas conseguiu fazer o corte. Já aos 35 minutos foi a vez de Artur cruzar rasteiro para Guerra. Na entrada da área, o meia pegou de primeira, mas o chute saiu fraco e Diogo Silva pegou com facilidade.

Enquanto isso, o Ceará tentava usar a velocidade para puxar o contra-ataque, sem muito sucesso. A melhor chance do alvinegro foi em cobrança de falta fechada de João Lucas. Douglas armou mal a barreira e a bola tinha endereço certo, só que o goleiro tricolor conseguiu se recuperar e fez uma boa defesa para evitar o gol.

Segundo tempo
Tentando dar mais velocidade ao Bahia, Roger Machado voltou para o segundo tempo com Marco Antônio no lugar de Guerra. Porém, quem chegou primeiro ao ataque foi o Ceará. Lima passou fácil pela marcação dentro da área e chutou de biquinho. A bola bateu em Juninho e por muito pouco não morreu no fundo das redes.

Na sequência, o Ceará cobrou escanteio e Pedro Ken pegou sozinho na pequena área. Douglas cresceu e fez a defesa. Salvando o Bahia.

A resposta tricolor foi imediata. Marco Antônio desceu em velocidade e tocou para Élber. O camisa 7 foi na linha de fundo e cruzou certinho para Artur, mas o atacante, livre, isolou e perdeu a chance de abrir o placar.

Depois disso foi a vez do Ceará pressionar. Com uma série de escanteios, o time alvinegro montou uma verdadeira blitz e obrigou a defesa do Bahia a se segurar de todos os jeitos. Sentindo o momento de declínio, Roger voltou a mexer no ataque e colocou Arthur Caíke e Fernandão no jogo.

O Bahia voltou a ficar perto do gol aos 22 minutos. Marco Antônio deu passe açucarado para Arthur Caíke. Sozinho, o atacante não conseguiu finalizar bem e Diogo Silva salvou.

De tanto insistir, o Bahia chegou ao gol. E de um jeito improvável. A cobrança de falta de Marco Antônio achou o baixinho Artur na área. O camisa 98 nem precisou sair do chão para tocar de cabeça e mandar para o fundo das redes, aos 30 minutos.

Só que o Bahia deu um vacilo gigantesco em duas cobranças de escanteio. Aos 39, Luiz Otávio subiu e mandou no canto de Douglas. Depois, aos 48, novamente o zagueiro testou para o fundo das redes e decretou o triunfo.

O Bahia volta a entrar em campo no próximo sábado (26), quando recebe o Internacional, às 19h, na Fonte Nova.



Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/linn-da-quebrada-estrela-bixa-travesty/
Documentário debate sobre o corpo, gênero e identidades
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policia-civil-analisa-imagens-de-acao-da-prf-que-deixou-adolescente-morto/
Pai foi ouvido no DHPP; familiares homenagearam garoto de 17 anos nesta quinta-feira (21)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/operario-fica-pendurado-em-predio-durante-pintura-e-e-socorrido-veja-video/
Ele foi retirado de edifício em Fortaleza e conduzido a unidade médica pelo Samu
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-passar-mal-e-ser-socorrido-no-senado-kajuru-segue-internado-na-uti/
Colega baiano Otto Alencar ajudou a socorrê-lo em plenário: ‘não vai ficar sequela’
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/matou-como-se-ela-fosse-bicho-diz-testemunha-de-crime-contra-moradora-de-rua/
Defesa de comerciante alega que ele reagiu a uma tentativa de assalto
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bombeiros-controlam-incendio-em-academia-na-graca/
Fogo começou por volta das 22h40 e foi contido rapidamente
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/vai-para-um-programa-que-te-mereca-diz-fontenelle-a-lacombe-ao-vivo/
Jornalista ficou sem graça com o comentário e afirmou estar feliz no Aqui na Band
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/audiencia-do-caso-davi-fiuza-e-marcada-para-abril-de-2020/