Bahia recebe o Coritiba em Pituaçu na estreia no Brasileirão

e.c. bahia
12.08.2020, 05:00:00
Élber é uma das apostas do Bahia para largar bem no Campeonato Brasileiro (Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia recebe o Coritiba em Pituaçu na estreia no Brasileirão

Primeiro duelo do Esquadrão na Série A começa às 20h30

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um novo ciclo se inicia para o Bahia nesta quarta-feira (12): pela 48ª vez, o tricolor vai estrear na Série A do Campeonato Brasileiro, contando desde 1959. O adversário na arrancada da principal competição do país é o Coritiba, a partir das 20h30, no estádio de Pituaçu.

O duelo marca a estreia do Bahia, mas é válido pela segunda rodada da competição. Por causa da final do Campeonato Baiano, a partida contra o Botafogo, que teria sido realizada no domingo, acabou adiada e ainda não tem nova data.

E como todo início, a expectativa de torcedores, jogadores e comissão técnica é de que um novo momento comece a ser escrito. O Brasileirão se apresenta para Roger Machado e elenco como a chance de dar a volta por cima.

O treinador vive momento de pressão após perder o título da Copa do Nordeste para o Ceará. Além disso, o time passou a ser criticado pelo baixo desempenho nas últimas partidas e carrega a lembrança da queda de rendimento ocorrida no segundo turno do ano passado.

Por isso, a missão na Cidade Tricolor é uma só: largar bem na Série A e amenizar a crise com o torcedor. “Futebol é bom por causa disso. Temos uma outra oportunidade nessa quarta-feira, estreia do Brasileiro, para retomar a confiança. A gente sabe que o torcedor está ferido pela perda do Nordeste, eles queriam muito, a gente também, mas por ocasiões não foi possível. A gente espera dar a volta por cima e quarta temos a oportunidade de começar o Brasileiro com o pé direito”, afirmou o volante Flávio. 

Depois de ganhar a posição de titular do Bahia, Flávio vai começar a Série A pela primeira vez e destaca o bom início em 2019 como referência. “A gente precisa entrar como entrou no ano passado. Esperamos repetir a campanha de quando ficamos um bom tempo sem perder, conquistando pontos, e não ter a oscilação que tivemos para no final conquistar as coisas grandes que o Bahia merece”, analisou.

Rival encardido
Na busca pelo bom início na Série A, o Bahia tem um tabu a quebrar: o Coritiba é um daqueles times que fazem duelos encardidos quando enfrentam o tricolor. Basta analisar os números.
 
Nos 44 jogos que aconteceram entre os dois clubes, 25 terminaram empatados. O Bahia levou a melhor em seis duelos e o Coxa venceu 13.

A última vez que o Esquadrão ganhou do clube paranaense foi pela Copa do Brasil de 1999. Uéslei, Dimba e Lima Sergipano marcaram os gols da vitória por 3x0 que ajudou o Bahia a eliminar o alviverde paranaense nas oitavas de final do torneio.

Já pelo Campeonato Brasileiro, a seca de triunfos sobre o adversário é de 35 anos. A última vez que o tricolor venceu o confronto foi em 1985. Robson e Marinho marcaram para o clube baiano. Índio descontou para o Coxa na partida que terminou 2x1.

Os confrontos mais recentes entre Bahia e Coritiba ocorreram em 2017. Na Série A daquele ano, os clubes ficaram no empate por 0x0 no Couto Pereira, no primeiro turno, e 1x1 na Fonte Nova, no segundo.

Coritiba em crise 
De volta à Série A depois de dois anos na segunda divisão, o Coritiba também vive momento delicado. O time do técnico Eduardo Barroca estreou na Série A com derrota para o Internacional, por 1x0, no Couto Pereira, e ampliou a crise no clube. 

O Coxa não vence há três partidas. Além do revés para o Inter, amargou derrotas também nos dois jogos da final do Paranaense e viu o Athletico conquistar o tricampeonato estadual.

Confira as prováveis escalações: 

Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Ronaldo, Flávio e Rodriguinho; Élber, Rossi e Fernandão. 

Coritiba: Wilson, Natanael, Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Nathan Silva, Matheus Galdezani e Ruy; Wellissol, Robson e Igor Jesus.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas