Bahia vence o Sampaio Corrêa na Fonte Nova e mantém liderança na Série B

e.c. bahia
26.04.2022, 23:25:00
Daniel contou com a trapalhada da defesa do Sampaio para marcar o gol que deu o triunfo ao Bahia (Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

Bahia vence o Sampaio Corrêa na Fonte Nova e mantém liderança na Série B

Daniel fez o gol que deu o triunfo ao Esquadrão

O Bahia não decepcionou no reencontro com a torcida depois de dois jogos fora de casa pela Série B. Venceu o Sampaio Corrêa por 1x0, na Fonte Nova, pela 4ª rodada, e manteve a invencibilidade e a liderança da competição.

O triunfo tricolor foi construído ainda no primeiro tempo. Daniel, aos 45 minutos, marcou o gol que colocou o time baiano em vantagem nesta terça-feira (26). 

O resultado deixa o Bahia com 10 pontos, no topo da Série B. Chapecoense e Sport aparecem na sequência, com 8 pontos cada. O próximo compromisso do tricolor será sexta-feira (29), contra o Ituano, em Itu, no interior de São Paulo.

EMOÇÃO AOS 45'
A partida começou com o Bahia buscando o ataque, quase sempre com os dois laterais e o apoio do atacante Rildo - novidade na ponta direita no lugar de Jacaré - para furar o bloqueio do Sampaio Corrêa, que adotou postura defensiva com a estratégia de puxar os contra-ataques.

Os primeiros lances de perigo, no entanto, foram do Sampaio Corrêa. Aos 21 minutos, Mateusinho fez jogada pelo lado direito, bateu colocado e a bola passou por cima. Aos 23, Maurício arriscou de fora da área e o quique da bola exigiu atenção do goleiro Danilo Fernandes.

A pressão inicial do Bahia se transformou em falta de criatividade. E do outro lado, um erro da defesa tricolor quase resultou em um golaço de letra de Eron, ex-Vitória. A bola passou ao lado da trave de Danilo Fernandes.

O Bahia só voltou a aparecer bem no campo ofensivo aos 34 minutos. Jogada de pé em pé, Matheus Davó recebeu na entrada da área, girou sobre o marcador e ficou de cara com o gol. Mas chutou fraco e facilitou a vida do goleiro Luiz Daniel, que saiu bem e defendeu.

Enquanto o Bahia tentava se encontrar no jogo, o Sampaio Corrêa só não abriu o placar porque Danilo Fernandes estava em grande noite. Aos 40 minutos, Luiz Henrique furou ao tentar cortar o passe e deixou Mateusinho de cara com o gol. O goleiro tricolor, com os pés, conseguiu salvar.

O primeiro tempo se encaminhava para terminar sem gols quando o Esquadrão achou o caminho. Já aos 45 minutos, Patrick cruzou na área e Rildo ajeitou de cabeça para Daniel, que teve dificuldade para finalizar com a bola quicando. Goleiro e zagueiro do Sampaio se atrapalharam no primeiro chute e a bola ficou com o próprio camisa 10, que mandou para a rede e colocou o Bahia em vantagem de 1x0 no placar.

PRESSÃO TRICOLOR
O Bahia voltou do intervalo com o mesmo time e postura semelhante à do primeiro tempo: buscando o ataque. Com apenas um minuto, o tricolor fez boa tabela e a bola sobrou para Rildo. Dentro da área, o atacante finalizou mal e ganhou o escanteio. Minutos depois, o mesmo Rildo desperdiçou boa chance no cruzamento rasteiro de Luiz Henrique.

Com mais posse de bola, o Bahia pressionava em busca do segundo gol. No rápido contra-ataque, Matheus Davó escapou livre e, dentro da área, chutou por cima. O Esquadrão levou perigo ainda em lance de bicicleta de Rildo e no chute cruzado de Luiz Henrique. 

A partir dos 15 minutos o jogo perdeu um pouco da intensidade ofensiva e ficou mais concentrado em disputas no meio-campo. Guto colocou Vitor Jacaré e Jonathan na partida. A mudança quase surtiu efeito. O lateral cruzou, o atacante mandou de cabeça e o goleiro do Sampaio fez grande defesa e evitou o gol.  

Debaixo de forte chuva, o Bahia começou a cadenciar o ritmo. Bem postado defensivamente, mudou a estratégia e passou a explorar os contra-ataques até o apito final. 

FICHA TÉCNICA 

Bahia 1x0 Sampaio Corrêa - Brasileirão Série B (4ª rodada)

Bahia: Danilo Fernandes, Douglas Borel (Jonathan), Ignácio, Luiz Otávio e Luiz Henrique; Emerson Santos, Patrick e Daniel (Lucas Falcão); Rildo (Jacaré), Matheus Davó e Marco Antônio (Raí). Técnico: Guto Ferreira. 

Sampaio Corrêa: Luiz Daniel, Thiago Ennes (Soares), Nilson Jr, Joécio e Lucas Hipólito; André Luiz, Maurício e Rafael Vila (Gabriel Poveda); Mateusinho, Eron (Rafael Costa) e Renatinho (Wesley Pionteck). Técnico: Léo Condé.

Local: Fonte Nova
Gols: Daniel, aos 45 minutos do 1º tempo
Cartão amarelo: Douglas Borel e Jacaré (Bahia)
Público: 10.046 pagantes
Renda: R$ 161.120,00
Arbitragem: Rafael Traci, auxiliado por Kleber Lucio Gil e Henrique Neu Ribeiro (trio de Santa Catarina)
VAR: Heber Roberto Lopes (SC)

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas