BBB 21: Nego Di 'passa pano' para si mesmo e culpa outros por seus erros

em alta
17.02.2021, 11:49:31
Atualizado: 17.02.2021, 12:16:33
(Foto: Reprodução)

BBB 21: Nego Di 'passa pano' para si mesmo e culpa outros por seus erros

Brother diz que foi manipulado por Lumena, Karol, Projota e Arthur

Nego Di comentou sua passagem no Big Brother Brasil 21 - de onde foi eliminado nesta terça-fera (17) com 98,76%, com recorde de rejeição - durante entrevista ao Mais Você. No papo com Ana Maria Braga, ele disse que Karol Conká o usou e manipulou dentro do jogo.

"Depois de alguns vídeos, vi que estava no meio de pessoas que seguiram um caminho errado. A Karol foi a principal que parei para analisar. Eu falava de uma militância exagerada, mas ela me trazia as coisas de uma maneira e não via. Não vi a maneira que ela tratou o Lucas no almoço, por exemplo. As informações chegavam de outro maneira", argumenta.

O humorista disse ainda que não viu o jeito que ela tratou Lucas Penteado, sua dupla na primeira semana. Por conta disso ele afirmou que acabava agindo por instinto ao ver os embates na casa.

"Quando não estava na minha presença, ela agia de uma maneira. E quanto estava, era de outra. Tudo que ela descreveu em um vídeo [falando de Lucas] era o que ela era. Um incrível poder de manipulação. Me senti usado pra caramba", completou no depoimento ao "Mais Você".

Pouco tempo depois, na mesma entrevista, ex-BBB voltou a dizer que Karol e Lumena agiram de forma errada e ele não recebia informações de maneira completa. Nego Di ainda disse que Projota compartilhava do mesmo comportamento "de politicagem".

"Tem situações ali que a gente não está presente e chegam pra gente de forma deturpada. Falava para Karol que a Lumena era radical, colocava gasolina. Não era de acordo com várias coisas que aconteciam. Não tinham noção de quão grave eram as coisas. Decidi confiar nas pessoas erradas. Me senti, eu achava que era um grande jogador, mas estava sendo usado. Às vezes o Projota me falava uma coisa e ia lá dançar com a pessoa e a pessoa achava que era eu. A Karol fazia muito dessa politicagem. Achava que estava sendo bom jogador, mas estava sendo idiota", disse.

Nego Di também comentou que o vídeo de Bil e Lucas comemorando a saída dele. Ele revela que a cena o chateou.

"Tudo que vi de ontem, nada me deixou feliz. Principalmente pessoas que comprei por elas, vivemos coisas legais. Lá, como a gente não sabe, a Karol passava uma visão das atitudes do Bil para a casa, mas o Bil não falava nada. Parecia que assinava", disse a Ana Maria.

O brother também disse que rojota e Arthur usaram distorções para se beneficiarem na formação do paredão entre ele mesmo, Fiuk e Sarah. Nego Di afirmou que não votaria no filho de Fábio Jr. porque estava tendo uma boa proximidade, mas que isso saiu de outro jeito.

"O Projota e ele [Arthur] levantaram a possibilidade de votar no Fiuk para se eles se livrarem. Eu tinha um relacionamento com o Fiuk e eu não quis. Não sei de que jeito isso chegou no Fiuk, que tinha um movimento para tirar ele da casa. Cheguei a conclusão de que o Arthur fez isso para arranjar mais pessoas. O Projota, as coisas que ele levantavam para nós, se a gente topasse ou não, sobrava para mim", contou.

Para ele, Projota ainda pode "se ligar" no jogo e que Juliette passava uma imagem de chata. Mas foi Lumena que despertou críticas.

"Tudo era isso, Tudo era questão racial. Ela inflamava muito, a Karol tacava mais gasolina no fogo", critica.

Rejeição
Nego Di contou que o recorde de rejeição foi um baque, mas que outros pontos o preocupam agora, como a segurança da própria família. Ele citou ameaças que sofreu e de familiares, tudo por conta de situações do reality show.

"Ver amigos te virando as costas e artistas que você era fã vibrando, fazendo campanha, fazendo ameaças. Meu filho, hoje, não pode ir para a escola por causa disso. As pessoas não sabem o quão cruel a internet pode ser. A gente erra a todo momento aqui fora, mas não temos câmeras aqui. Reconheço que errei pra caramba, mas não sou esse mal caráter que as pessoas falam", contou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas