Brasil registra 16 casos suspeitos de coronavirus

brasil
01.02.2020, 20:45:59
Atualizado: 01.02.2020, 21:21:12
Passageiros utilizam máscaras no metrô em Bangcoc, na Tailândia (Romeo Gacad/AFP)

Brasil registra 16 casos suspeitos de coronavirus

Números foram atualizados pelo Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde atualizou para 16 o número de casos considerados suspeitos de coronavírus no país. Segundo balanço divulgado neste sábado, 01, já foram descartados outros dez casos. A unidade federativa que apresenta maior número de casos suspeitos é São Paulo, com 8 ocorrências. Duas suspeitas já foram descartadas no estado. O Rio Grande do Sul registra, neste momento, 4 casos suspeitos; outros três já foram descartados.

Em Santa Catarina, até o momento, já foram levantadas 2 suspeitas; dois outros casos foram descartados. A lista inclui ainda o Paraná e o Ceará, com um caso suspeito em cada.

No mundo,  a Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou para 14.380 mil o número de casos confirmados de coronavírus em todo o planeta. Deste total, 11.821 foram identificados em território chinês. O número de mortos na China subiu para 304.

De acordo com o balanço divulgado em Genebra, o segundo país a apresentar maior número de casos confirmados de coronavírus foi a Tailândia (19 pessoas), seguido pelo Japão (17), Cingapura (16), Austrália (12), Coreia (12), Malásia (8), Alemanha (7), Estados Unidos (7), França (6), Vietnã (6), Canadá (4), Emirados Árabes Unidos (4), e Itália, Reino Unido e Rússia (2 casos cada). Camboja, Espanha, Filipinas, Finlândia, Nepal, Sri Lanka, Suécia e Índia registraram um caso cada.

Veja como o coronavírus age no organismo:

*Fonte: Agência Brasil

Histórico

O coronavírus é conhecido desde meados dos anos 1960 e já esteve associado a outros episódios de alerta internacional nos últimos anos. Em 2002, uma variante gerou um surto de síndrome respiratória aguda grave (Sars) que também teve início na China e atingiu mais de oito mil pessoas. Em 2012, um novo coronavírus causou uma síndrome respiratória no Oriente Médio, que foi chamada de Mers.

A atual transmissão foi identificada em 7 de janeiro. O escritório da Organização Mundial da Saúde na China buscava respostas para casos de uma pneumonia até então desconhecida que afetava moradores na cidade de Wuhan, na China.

Rio prepara plano de contingência

O município do Rio de Janeiro está preparando um plano de contingência para evitar a propagação do coronavírus durante o Carnaval. Segundo a secretária municipal de Saúde, Beatriz Busch, o planejamento está sendo feito em conjunto com o governo do estado e deve ser concluído nos próximos dias.

“Hoje não temos nenhum caso sequer suspeito na cidade. Estamos atentos para possíveis casos suspeitos. Estamos numa fase de planejamento, revendo nossos estoques de insumos especializados para atender a essas pessoas”, disse Beatriz.

A secretária informou ainda que o planejamento deverá envolver a identificação de possíveis centros de referência para atendimento a pacientes com a doença. “Temos prédios de grande capacidade instalada, como o Ronaldo Gazolla, que é um hospital em Acari. Esse plano está sendo desenhado e será divulgado a tempo”, afirmou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas