Caminhão roubado há três meses em São Gonçalo é recuperado na BR 101

bahia
19.01.2021, 09:25:00
Atualizado: 19.01.2021, 09:28:14
(Foto: Divulgação/PRF)

Caminhão roubado há três meses em São Gonçalo é recuperado na BR 101

O veículo tinha adulterações nos elementos de identificação e CRLV falsificado

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou na tarde de segunda-feira (18), em Eunápolis (BA), um caminhão VW/9.170 DRC que havia sido roubado em outubro de 2020, na cidade baina de São Gonçalo. O motorista foi detido.

A equipe da PRF fiscalizava em frente a unidade operacional (Km 720 – BR 101), quando foi dada ordem de parada ao caminhão, conduzido por um homem de 36 anos.

Inicialmente, foram solicitados os documentos do veículo e do motorista para uma consulta detalhada no sistema da PRF, foi quando os policiais decidiram aprofundar a verificação no caminhão.

Durante a fiscalização no veículo, foram encontradas indícios de adulterações nos elementos identificadores. O caminhão, originalmente emplacado em Itaboraí (RJ), foi roubado em outubro de 2020 e circulava clonado, com placas de outro caminhão de mesmas características, registrado em Guarulhos (SP), modalidade utilizada para não levantar suspeitas e tentar ludibriar fiscalizações da polícia.

O Certificado de registro e licenciamento de veículo (CRLV) entregue pelo condutor apresentava indícios de falsificação. Em pesquisa, foi verificado que o documento pertence a um lote extraviado do órgão de trânsito no município paulista de Mongagua.

Aos policiais, o motorista que é residente na zona rural de Porto Seguro (BA) relatou que o caminhão é de propriedade de um primo e que ‘pegou’ o veículo emprestado para fazer uma viagem até o estado do Espírito Santo.

O veículo apreendido, a documentação falsa e o motorista foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil, para lavratura dos procedimentos judiciais pelos crimes de receptação (art. 180) e uso de documento falso (art. 304), ambos do Código Penal.

A PRF orienta que, na pesquisa ou ato da compra, o novo proprietário sempre desconfie de anúncios tentadores, leve-o a um mecânico de confiança e confronte as informações do documento com os elementos identificadores no veículo.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas