Cazarré diz que vai se vacinar: 'Conversei com um médico em quem confio'

em alta
28.07.2021, 13:31:00
Atualizado: 28.07.2021, 13:58:57
(Reprodução)

Cazarré diz que vai se vacinar: 'Conversei com um médico em quem confio'

Ator diz que fez consulta à produção da Globo por entender que já estaria imunizado

O ator Juliano Cazarré comentou nesta quarta-feira (28) a notícia de que se teria se recusado a ser vacinado e poderia perder o papel no remake de Pantanal, da Globo.

Em uma sequência de stories no Instagram, ele afirmou que fez uma consulta à produção sobre a questão da vacinação. O ator está escalado para viver Alcides na nova versão - papel originalmente de Angelo Antonio.

"Há alguns dias eu fiz uma consulta à produção de Pantanal sobre a situação da vacina, pois eu adquiri imunidade ano passado e já li textos falando que a vacina nesses casos pouco adianta e que uma nova carga viral pode ser prejudicial", disse Cazarré. Vale destacar que mesmo quem já teve a covid-19 deve se vacinar, segundo especialistas.

Mesmo demonstrando certo receio em tomar o imunizante, o ator disse que "deixou claro" que iria se vacinar se essa fosse uma condição da emissora. Ele disse que já tinha decidido se imunizar.

"Ao longo do final de semana conversei com um médico em quem confio, que me explicou mais sobre a vacina, tirou as dúvidas sobre o processo como são feitas e eu já tinha me decidido a tomar, assumindo os mesmos riscos que todos os vacinados. No posto me informaram que eu devo passar lá na quinta-feira (amanhã de tarde). É o que farei", garantiu.

Segundo Cazarré, após as notícias ele chegou a receber mensagens de ódio inclusive para os filhos. O ator mandou uma indireta para o colega Armando Babaioff, que ontem disse que já está vacinado e pediu a vaga na novela. "Aos meus seguidores queridos, eu peço que rezem uma Ave Maria por todos aqueles que vieram desejar a minha morte, de meus filhos. Rezem também uma Ave Maria pelo colega que sugeriu pegar meu lugar por estar vacinado. Ele é um grande ator e não merece estar nessa situação".

Na conclusão, Cazarré disse que é atacado por conta da sua religião e por ter uma ideologia diferente da dos críticos. "Ao rebanho de muares (mulas) que veio me xingar por causa da vacina, podem voltar a me xingar apenas pelos motivos de antes: minha opção religiosa e por eu não acreditar na mesma ideologia que vocês. Estou em oração por vocês também. Obrigado", disse.

Negativa
Segundo a coluna de Leo Dias, da Metrópoles, o ator teria dito na academia em que frenta no Rio que não tinha intenção de se vacinar. “Não vou tomar a vacina. Não quero ser chipado”.

As gravações estavam previstas para começar neste mês, mas estão atrasadas. No início, as filmagens serão feitas no Rio de Janeiro e, depois, quando a pandemia já estiver mais controlada, em locações no Pantanal, como nas cidades de Aquidauana, Miranda e Corumbá, no Mato Grosso do Sul.

Questionada sobre o assunto, a Rede Globo emitiu a seguinte nota: “Nós não começamos a divulgar informações de Pantanal. É cedo, ainda temos uma novela das 21h [Um Lugar Ao Sol] para estrear antes”.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas