CD de Robbson Ribeiro será encartado no CORREIO nesta terça

variedades
08.05.2017, 06:10:00

CD de Robbson Ribeiro será encartado no CORREIO nesta terça

Vindo do pagode, cantor aposta as fichas no estilo romântico; seu primeiro cd, Saudade Machuca, terá 60 mil cópias distribuídas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Antes que o chamasse de um “cantor iniciante”, Robbson Ribeiro fez questão de me lembrar que ele já esteve duas vezes no programa Fuzuê da Bahia FM. Primeiro, com a banda Raro Swing. Depois, com o grupo Puro Love, quando gravou a música Vai Ser Só Love com o Sampacreew. Portanto, não se trata de um novato.

Aos 35 anos, nascido no bairro do Barbalho, Robbson Ribeiro resolveu criar esse projeto solo que chega em primeira mão aos leitores do CORREIO através do CD Saudade Machuca, que reúne 10 faixas e é puxado pela música Gruda, feita em parceria com Fagner Ferreira. 

O cantor Robbson Ribeiro terá 60 mil cópias do primeiro disco encartado no CORREIO (foto:divulgação)


Comemoração -  “Para mim, é uma chance absurda lançar este disco encartado no CORREIO. A resposta tem sido ótima”, revela Robbson, em conversa com a reportagem do jornal. Ele disse ainda que o clipe da música Grude no YouTube tinha 4 mil visualizações antes da chamada promoção. “Mas, foi só aparecer na TV e no jornal que pulamos para mais de 30 mil”, comemora.

O artista faz questão de ressaltar suas parcerias com três dos principais compositores do arrocha e da sofrência. Entre eles, Fagner Ferreira, Magno Santa’Anna e Felipe Escandurras, com quem compôs a faixa Saudade Machuca também com Plinelson Silva. De Escandurras, Robbson escolheu também Tatuagem Com Meu Nome e Sentimento Bom, outra parceria com Plinelson Silva.

Fã de Gilberto Gil, Caetano Veloso, Djavan, Emílio Santiago, Noite Ilustrada, José Augusto, Roberto Carlos, Fábio Jr, Péricles, Luan Santana, e dos grupos Roupa Nova e Legião Urbana, Robbson diz ter se espelhado neles para fazer no seu primeiro trabalho de carreira solo. Gruda, a música de trabalho, conta, segundo o cantor, “a história da emoção de um casal se desentender e se reconciliar na hora do prazer. A direção musical deste trabalho tem a assinatura do músico, produtor e diretor musical Léo Oliveira”, diz.

O hit ganhou um videoclipe que foi gravado na madrugada do dia 21 de março e teve como locação, o restaurante Al Mare, localizado no Salvador Shopping. “A madruga foi de muita correria e trabalho árduo”, conta. A produção executiva é de Victor Lima, que assinou, juntamente com Deived Cardoso, a direção e o roteiro. A  captura de imagens é de Jadson Barbosa e o figurino é assinado pela Ellus e Elkus Second Floor. A produção cenográfica é de Dôra Paiva Eventos e a produção e a produção geral da Expertise Produções.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas