“Centro de Convenções passará por intervenções funcionais”, diz Diogo Medrado

Eleições
07.08.2014, 12:17:00
Atualizado: 07.08.2014, 12:27:27

“Centro de Convenções passará por intervenções funcionais”, diz Diogo Medrado

Presidente da Bahiatursa foi entrevistado nesta quinta no CBN Salvador 1ª Edição

Apesar de ter assumido a Bahiatursa em abril deste ano, o presidente Diogo Medrado se disse satisfeito com prova pela qual passou. Logo em sua estreia pegou o período da Copa do Mundo e do São João. “Foi um ótimo teste e ainda pegamos o Terceiro Salão de Turismo. Pra mim, foi uma experiência muito grande e a gente fez o trabalho direito”, afirmou em entrevista a Emmerson José e Alex Ferraz, durante o CBN Salvador Primeira Edição, desta quinta-feira (7). 

Presidente da Bahiatursa foi entrevistado nesta quinta no CBN Salvador 1ª Edição

Questionado sobre a ligação direta de interferência entre o turismo e a violência no estado da Bahia, Medrado afirmou que as informações que recebe formalmente sempre são encaminhadas para a Secretaria de Segurança Pública, mas que a Bahiatursa busca colaborar, mas sem fazer alardes. “Não fazemos essa recomendação [sobre locais perigosos para os turistas], mas quando chegam reclamações vamos solucionando”, disse o presidente.

Centro de Convenções

O espaço destinado a grandes eventos de negócios como palestras, feiras e congressos, o Centro de Convenções da Bahia, vem passando por um período de degradação. De acordo com Diogo Medrado, o local passará por intervenções para que fique funcional. “Vamos reformar as poltronas, quadro elétrico, elevadores. Esse é meu maior diferencial no pouco tempo de gestão que tenho”, explicou.

Projetos

A Bahiatursa também está preparando projetos para os próximos meses. Medrado citou alguns como, por exemplo, participação na Feira da ABAV, em São Paulo, de 24 a 28 de setembro. “Estamos em negociação para a Bahia ser estado sede da feira este ano”, frisou. Além disso, a Bahiatursa vai participar de uma feira em Gramado, em novembro; vai representar a Bahia como destino turístico em Miami, e está preparando um festival de cultura negra, com nome a definir.

“Além da consciência negra queremos apresentar seminários, manifestações artísticas e estamos em conversa com os blocos afro para termos um mini carnaval. Até amanhã vamos finalizar o projeto, que terá foco no recôncavo, com o fechamento em Cachoeira”, avisou.

Ainda estão previstas obras de revitalização do Dique do Tororó e da Lagoa do Abaeté. “O Dique é um dos principais projetos de revitalização e queremos fazer com campeonatos aquáticos, novos deques, entre outras ações”, frisou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas