Chapecoense suspende goleiro João Ricardo por exame antidoping

esportes
05.04.2019, 13:40:00
Goleiro João Ricardo é suspenso pela Chapecoense após testar positivo em exame antidoping (Márcio Cunha/Divulgação Chapecoense)

Chapecoense suspende goleiro João Ricardo por exame antidoping

O jogador testou positivo para uma substância proibida após partida com o Mixto-MT, em março, na Copa do Brasil

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Chapecoense anunciou nesta sexta-feira (5) o afastamento do goleiro João Ricardo. O jogador testou positivo para uma substância proibida pela Agência Mundial de Antidoping (Wada, na sigla em inglês), em exame após partida com o Mixto-MT, em 6 de março, em Cuiabá, pela segunda fase da Copa do Brasil. A diretoria do time catarinense decidiu suspender o atleta por tempo indeterminado enquanto aguarda a análise da contraprova.

Em nota oficial, a Chapecoense explicou que pretende cuidar de todas as ações necessárias para a defesa do goleiro e do clube. O próprio João Ricardo, assim como a diretoria do time, pediu a análise de uma outra amostra do exame para tentar comprovar se houve mesmo o uso de uma substância proibida. Até a resolução deste caso, o jogador estará afastado das atividades com o elenco.

João Ricardo chegou ao clube no início desta temporada, após passagem pelo América-MG durante cinco temporadas. O jogador de 30 anos disputou 16 partidas em 2019, incluindo a última da equipe - o empate por 3x3 contra o Figueirense, na última quarta-feira, pelo Campeonato Catarinense. A partida em que ele foi pego no doping, contra o Mixto, teve vitória da Chapecoense por 2x1.

Já classificada para a semifinal do Campeonato Catarinense, a Chapecoense recebe o Avaí, no domingo (7), na Arena Condá, em Chapecó (SC), pela 18ª e última rodada da primeira fase. A equipe alviverde está há quatro rodadas sem perder.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas