Chateado, Guto lamenta gols perdidos pelo Bahia no segundo tempo

e.c. bahia
13.05.2018, 19:26:36
Guto falou também sobre ter usado Kayke no segundo tempo (Mauro Akin Nassor / CORREIO)

Chateado, Guto lamenta gols perdidos pelo Bahia no segundo tempo

Técnico tricolor disse que mexeu no time no segundo tempo para buscar o contra-ataque

Guto Ferreira chegou à entrevista coletiva neste domingo (13) após o empate em 2x2 com o São Paulo irritado. Não podia ser diferente: seu time perdeu nos acréscimos a chance de vencer em casa e terminar a rodada longe da zona de rebaixamento. “Não estou nada satisfeito, dá para ver no meu semblante”, resumiu.

“Foi um jogo bastante brigado, disputado. Fizemos um grande jogo, tanto é que vencíamos até os 48 (do segundo tempo). Mas o menino (Shaylon) acertou do meio da rua, não deu tempo de cortar. Fomos penalizados em dois pontos”, disse.

O técnico se esquivou da crítica de ter recuado o time na etapa final, e disse que na verdade mexeu para buscar o contra-ataque. Na visão dele, a equipe até criou chances, mas infelizmente não conseguiu marcar.

“Pela altura do jogo, o time estava tendo dificuldades em puxar o contra-ataque. Com as entradas de Régis e Mena, conseguimos atacar mais, mas não colocamos uma bola para dentro. Se a gente tivesse feito isso, o placar teria ficado em 3x1, e não teríamos tomado um empate no final”, comentou.

Guto também saiu em defesa de Kayke, que perdeu um dos gols na reta final do jogo: “Edigar cansou e eu tinha ele para aquela posição. Você aposta e tenta. É um jogador com inúmeros gols na sua carreira, mas aqui não tem dado sorte”, concluiu.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas