Chuva de granizo na Bahia cobre gramado de gelo em segundos; vídeo

em alta
19.05.2022, 10:23:11

Chuva de granizo na Bahia cobre gramado de gelo em segundos; vídeo

Estado teve mínima de 10,9ºC hoje, em Correntina; menor temperatura do ano

Após Taperoá e Mucuri, foi a vez de Prado, também no Sul da Bahia, receber uma chuva de granizo na tarde desta quarta-feira (18). Um vídeo registrando o fenômeno mostra um gramado se cobrindo inteiramente de gelo em questão de segundos na cidade baiana.

Nas imagens, é possível ver as pedras de gelo caindo e o forte barulho que fazem. "Cê tá doido, vei?", analisa o cinegrafista.

Conforme a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Cláudia Valéria, a ocorrência de granizo na Bahia não é um fenômeno incomum. No início de 2020, por exemplo, choveu gelo em Salvador.

"O granizo é uma chuva que se forma em camadas altas da atmosfera, fazendo com que os pingos se congelem devido às baixas temperaturas, e não descongelem até atingir o solo", explica a meteorologista.

Leia mais:

Bahia deve ser atingida por massa polar que trará forte frio ao Brasil

Frente fria que levou neve ao Sul chega a Bahia e provoca granizo: 'Assustador'

Chuva de granizo deixa casas destelhadas e cidade sem energia na Bahia

A chuva de granizo, segundo a especialista, é impacto da frente fria que chegou a Bahia na terça-feira (18). Esse fenômeno é o mesmo que provocou redução nas temperaturas e até neve em estados do Sul e Sudeste do Brasil.

Menor temperatura do ano
A madrugada desta quinta-feira (19) registrou a menor temperatura do ano em Salvador. Os termômetros na cidade de Correntina, no Sudoeste do estado, marcaram 10,9ºC, com sensação térmica que baixou os 10ºC.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas