Clube dos milionários: 9 carros que custam mais de R$ 1 milhão no Brasil

em alta
14.08.2021, 05:51:00
Atualmente, o carro zero-quilômetro mais caro à venda no mercado brasileiro é o Lamborghini Aventador na versão 770-4 SVJ Roadster (Fotos: Divulgação)

Clube dos milionários: 9 carros que custam mais de R$ 1 milhão no Brasil

Esportividade, luxo e exclusividade: conheça modelos disponíveis no país e que chegam a custar o equivalente a 170 carros populares

O automóvel zero-quilômetro mais barato à venda no país custa R$ 46.390, preço do Renault Kwid na versão Life. Mas existem veículos disponíveis no país que podem custar mais de 170 vezes esse valor. É o mundo dos sonhos, de supercarros que são restritos a poucos.

Alguns desses modelos privilegiam o luxo, com soluções requintadas. É o caso do Rolls-Royce Cullinan, o SUV mais caro à venda no mercado brasileiro. As portas traseiras têm abertura invertida. Comum nos veículos do fabricante britânico, a mudança serve para aumentar o ângulo de abertura e facilitar a entrada na cabine.

As portas do Cullinan se abrem em sentidos opostos
As portas do Cullinan se abrem em sentidos opostos
O SUV da Rolls-Royce tem até um local para acomodar guarda-chuvas
O SUV da Rolls-Royce tem até um local para acomodar guarda-chuvas
E pode ser personalizado com itens para um piquenique
E pode ser personalizado com itens para um piquenique
O interior do superesportivo Aventador, da Lamborghini
O interior do superesportivo Aventador, da Lamborghini
A SF90 Stradale é o modelo mais caro do fabricante italiano
A SF90 Stradale é o modelo mais caro do fabricante italiano
A esportividade do 720S da britânica McLaren
A esportividade do 720S da britânica McLaren
Por dentro do Porsche 911 Turbo S conversível
Por dentro do Porsche 911 Turbo S conversível
O esportivo alemão é um dos mais tradicionais do mercado
O esportivo alemão é um dos mais tradicionais do mercado
A cabine do Audi R8, que tem motor traseiro
A cabine do Audi R8, que tem motor traseiro
O luxo do M8, carro mais caro da BMW no Brasil
O luxo do M8, carro mais caro da BMW no Brasil

E tem mais: para fechar qualquer uma das quatro portas, por dentro ou por fora do carro, basta apertar um botão. E é claro que o porta-malas também tem abertura e fechamento elétrico. Há até itens para usar fora do veículo, como guarda-chuvas que ficam acomodados nas portas traseiras.

Há ainda a exclusividade neste mundo milionário dos potentes esportivos, que utilizam materiais nobres em sua construção, como fibra de carbono e alumínio. Vale também a tradição, como no caso dos carros esporte produzidos pela Ferrari, cultuada em todo o mundo há mais de 70 anos.

Lamborghini Aventador
O modelo zero-quilômetro mais caro à venda no Brasil é o Lamborghini Aventador na versão 770-4 SVJ Roadster. O superesportivo custa R$ 7.927.110. O supercarro é equipado com o motor 6.5 V12 que produz 770 cv e 70,4 kgfm de torque. Essa força é transmitida para as quatro rodas, enquanto o câmbio é automatizado de sete marchas.

Produzido na Itália, esse Lamborghini conta com um sistema que faz com que os elementos aerodinâmicos (spoilers, aerofólio, difusor, flaps e tomadas de ar) se movam e consigam mudar o fluxo do ar. O objetivo é reduzir o arrasto ou aumentar a pressão aerodinâmica.

Nessa configuração o Aventador é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em apenas 2,9 segundos, além de ultrapassar os 350 km/h de velocidade máxima. 

Ferrari SF90 Stradale
A única unidade que chegou ao Brasil desse modelo já foi vendida. Quem quiser outro terá que esperar alguns meses e ter disponível R$ 7.224.710.

O SF90 Stradale possui propulsão híbrida, que entrega 1.000 cv de potência. São 780 cv gerados pelo motor V8 biturbo e 220 cv fornecidos por três motores elétricos. A tração é integral, para melhor aproveitar toda a potência. 

A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em impressionantes 2,5 segundos e a velocidade final é de 340 km/h. Por ser híbrido, o modelo pode ser conduzido em três diferentes modos: combustão e elétrico, somente combustão e somente elétrico.

Rolls-Royce Cullinan
Se você gosta de SUVs, esse o representante mais caro da categoria. Na configuração Black Badged ele custa R$ 6.321.620. Preço que faz jus ao nome Cullinan: 

Além do requinte exemplificado no início desse texto, o Rolls-Royce conta com um sofisticado sistema de tração 4x4 e um motor V12 de 6.7 litros que rende 571 cv de potência e 86,5 kgfm de torque. Mesmo com 5,34 metros de comprimento e pesando 2,6 toneladas ele acelera de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos.

McLaren 720S Spider
Além de construir os monopostos de Fórmula 1, a McLaren tem uma divisão automotiva. O primeiro carro da empresa foi o F1, um supercarro que ia de 0 a 100 km/h em 3 segundos. Na época, custava 640.000 libras esterlinas (cerca de 835 mil dólares), e foi o carro mais rápido do mundo por muitos anos, com uma velocidade máxima de 388 km/h.

Atualmente, a marca opera no Brasil com uma concessionária em São Paulo e um dos destaques é o 720S. O esportivo é equipado com um motor V8 de 4 litros, que rende 720 cv de potência e 78,51 kgfm de torque que faz com que o 720S acelere de 0 a 100 km/h em apenas 2,9 segundos. Ele alcança os 341 km/h. Na versão conversível, a Spider, custa a partir de R$ 4.600.000.

Mercedes-AMG GT R
"Audacioso: mesmo parado", é assim que a Mercedes define o GT R. O motor V8 de 4 litros oferece ao coupé 585 cv de potência e 71,4 kgfm de torque. Isso leva o esportivo a uma velocidade máxima de 318 km/h e a uma aceleração de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos.

Com muita tecnologia e espaço para apenas duas pessoas, o motorista e um sortudo passageiro, esse modelo alemão custa R$ 2.176.900.

Porsche 911 Turbo S
O 911 é o modelo mais tradicional dessa lista, está em linha desde 1964. São várias opções e, atualmente, a mais cara à venda no mercado brasileiro é a conversível, que custa a partir de R$ 1.559.000. É possível personalizar diversos elementos, das rodas até a chave.

Na mecânica o destaque é o motor traseiro. O boxer de seis cilindros com 3.8 litros com dois turbocompressores rende 650 cv de potência e 81,5 kgfm de torque. Como resultado, o 911 acelera de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos e atinge os 330 km/h de velocidade máxima.

Audi R8 Coupé
O carro esporte da marca alemã já foi pilotado pelo bilionário Tony Stark (interpretado por Robert Downey Jr.) nos filmes do Homem de Ferro da Marvel. Na vida real, está na garagem de astros como o jogador Neymar Jr. e o cantor Roberto Carlos.

Na atual geração, o motor V10 entrega 610 cv de potência e 57,1 kgfm de torque. Com esse conjunto, a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em apenas 3,2 segundos, com velocidade máxima de 330 km/h

Custa a partir de R$ 1.529.990. Para ser diferente dos demais, a Audi oferece as opções de pintura Exclusive, que custam entre R$ 37 mil e R$ 75 mil.

BMW M8 Gran Coupé
Com 5,09 metros de comprimento, esse é o modelo mais caro da BMW. Produzido em Dingolfing, na Alemanha, o M8 Gran Coupé está disponível em três opções de rodas de 20 polegadas, três opções de acabamento interno (fibra de carbono, black piano ou madeira), sete opções de revestimento em couro e 81 cores de pintura externa, totalizando 5.103 tipos de combinação.

Esse BMW é movimentado por um motor 4.4 V8 biturbo que entrega 625 cv e 76,4 kgfm de torque. O propulsor trabalha em conjunto com o câmbio automático de oito marchas da ZF. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita 3,3 em segundos. De 0 a 200 km/h, em 10,6 segundos. A velocidade máxima de 305 km/h. Custa R$ 1.258.950 na versão Competition.

Land Rover Range Rover Sport
Produzida na Inglaterra pela divisão Special Vehicles Operation (SVO), a série especial SVR Carbon Edition conta com acabamento diferenciado em fibra de carbono por dentro e por fora. 

Além disso, o SUV conta com um motor V8 que rende 575 cv de potência e 71,4 kgfm de torque. Com esse propulsor, o Range Rover Sport acelera de 0 a 100 km/h em apenas 4,5 segundos e chega aos 283 km/h. As unidades são limitadas e custam R$ 1.033.950.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas