Com apoio da torcida, Vitória encara jogo decisivo contra o Itabaiana

e.c. vitória
19.10.2021, 05:00:00
Elenco do Vitória treina no Barradão, palco do jogo contra o Itabaiana (Divulgação ECVitória)

Com apoio da torcida, Vitória encara jogo decisivo contra o Itabaiana

Duelo da pré-Copa do Nordeste marca retorno do público ao Barradão

Chegou a hora de matar a saudade. Depois de um ano e sete meses, o torcedor do Vitória vai voltar a ver o time do coração de perto. Os portões do Barradão serão reabertos na noite desta terça-feira (19), quando o rubro-negro recebe o Itabaiana, às 21h30, em jogo decisivo da pré-Copa do Nordeste. 

"Todas as vezes em que eu vim jogar aqui contra o Vitória, com outros clubes, a torcida apoiou, jogou junto com o Vitória o tempo inteiro, gritando, incentivando. Uma torcida bonita, batucada, coisa linda. A gente espera que o torcedor continue fazendo a parte dele. Depois de um ano e sete meses, você ter a oportunidade de jogar do lado dessa torcida maravilhosa, eu estou feliz", festejou o técnico Wagner Lopes.

Dá pra fazer um barulho danado, sim, mas a arquibancada não estará lotada. Devido à pandemia de covid-19, as autoridades governamentais autorizaram a presença de apenas 30% da capacidade do estádio. Como o Barradão comporta 29,1 mil pessoas, poderá receber até 8,7 mil torcedores.

A última vez em que o Vitória jogou com a presença de público no Barradão também foi pela Copa do Nordeste. Naquele 15 de março de 2020, quase 3 mil torcedores acompanharam de perto o confronto válido pela 7ª rodada do regional, que acabou em goleada por 4x1 contra o River-PI. 

Na ocasião, o rubro-negro praticamente se garantiu nas quartas de final do torneio. Dessa vez, a briga é para conseguir uma vaga na edição 2022. Maior campeão da Copa do Nordeste ao lado do Bahia, com quatro títulos, o Vitória não tem vaga garantida no torneio do ano que vem e terá que conquistar a classificação.

O primeiro desafio é diante do Itabaiana, terça-feira (19), às 21h30, no Barradão. A equipe sergipana venceu o Bahia de Feira nos pênaltis por 3x1 e avançou para a segunda fase, onde encontrará o Leão. O jogo é único e apenas o vencedor avança à terceira fase da pré-Copa do Nordeste, que será disputada em ida e volta, entre os dias 27 e 28 de outubro e 3 e 4 de novembro.   

"Todos os jogos a gente encara de uma única maneira, que é como sendo o jogo mais importante de nossa vida. O jogo contra o Itabaiana, é o mais importante da vida do Vitória. A gente encara dessa maneira. Jogar bem, no limite, buscar o melhor", prometeu Wagner Lopes.

O treinador aproveitou para mandar um recado para os rubro-negros que vão ao estádio. "O que peço é que o torcedor nos apoie, ajude a enfrentar mais esse jogo importante. A gente respeita muito o Itabaiana. É importante o nosso torcedor jogar junto com a gente, porque vai ser um jogo difícil, importante. A gente espera contar com o apoio de todos".

Diante do caráter decisivo, Wagner Lopes vai mandar a campo força total, mesmo o time enfrentando situação bastante delicada na Série B do Brasileiro. Em 18º lugar, com 29 pontos, o rubro-negro volta a campo pelo campeonato nacional no sábado (23), quando recebe o Brasil de Pelotas, às 16h30, no Barradão. Sem poder se dar ao luxo de poupar atletas no regional, a tendência é que ele escale o mesmo time que venceu o Sampaio Corrêa por 1x0 na última terça (12): Lucas Arcanjo, Van, Wallace, Mateus Moraes e Roberto; João Pedro, Bruno Oliveira e Eduardo; Fabinho, Marcinho e Manoel.

Caso queria mexer no meio-campo, tem a opção de utilizar Fernando Neto, que está recuperado de contusão. Já Pablo Siles foi liberado para viajar ao Uruguai para resolver assuntos pessoais. Negociado junto ao Athletico-PR, o volante ainda se recupera de contusão.

No ataque, uma baixa. Artilheiro do Vitória na temporada, com nove gols, o centroavante Samuel, que vinha sendo reserva nos últimos jogos, não foi sequer relacionado para o jogo por estar acima do peso. Com uma luxação no dedo mindinho da mão direita, o goleiro Caíque também está fora.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas