Com 'Friends' e séries da HBO, HBO Max estreará nos EUA em 27 de maio

variedades
21.04.2020, 14:21:16
(Divulgação)

Com 'Friends' e séries da HBO, HBO Max estreará nos EUA em 27 de maio

Inicialmente, o serviço estará disponível por uma assinatura mensal de US$ 15

A Warner anunciou nesta terça-feira, 21, que o serviço de streaming de vídeo HBO Max vai entrar no ar nos Estados Unidos no próximo dia 27 de maio. Além de conter o catálogo e os lançamentos do HBO Go, serviço de streaming da emissora americana, a nova plataforma também vai conter 10 mil horas de programação já produzidas pela Warner, responsável por séries como Friends e The Big Bang Theory.

Inicialmente, o serviço estará disponível por uma assinatura mensal de US$ 15, incluindo novas séries e filmes produzidas pela Warner diretamente para o serviço. A plataforma é a aposta da Warner para vencer no mercado de streaming, que está cada vez mais disputado.

Na semana passada, chegou ao mercado americano o Peacock, da NBC Universal. No final de 2019, foi a vez de Apple (com o Apple TV+) e Disney (com o Disney+) entrarem na disputa. Todos estão atrás do domínio da Netflix neste mercado, com 167 milhões de assinantes globais. A disputa ainda tem a participação da Amazon, com o Prime Video, do Hulu e, aqui no Brasil, da Globoplay, serviço de streaming da Globo.

A expectativa da empresa era usar um episódio de reunião de Friends para atrair assinantes, mas a pandemia do novo coronavírus impediu que o especial fosse gravado - assim, sobra o catálogo de 236 episódios da série para os fãs acompanharem. Além disso, todas as séries da HBO e novidades como a série de comédia Love Life, com Anna Kendrick, ou um talk show com Elmo, o fofo personagem principal de Vila Sésamo.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas