Confira cinco jogos marcantes entre Bahia e Athletico-PR

e.c. bahia
18.06.2022, 06:01:00
Em 2017, Edigar Junio e Zé Rafael marcaram na goleada de 6x2 do Bahia sobre o Athletico-PR (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Confira cinco jogos marcantes entre Bahia e Athletico-PR

Tricolores e rubro-negros se enfrentam na quarta-feira (22), pela Copa do Brasil

Na próxima quarta-feira (22), Bahia e Athletico-PR vão iniciar mais um capítulo na história da rivalidade entre os dois clubes. Na Fonte Nova, as equipes se enfrentam pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Será a terceira vez que baianos e paranaenses vão medir forças na competição. 

Para entrar no clima do confronto, o CORREIO separou cinco duelos marcantes entre Bahia e Athletico-PR. Confira: 


Bahia 2x1 Athletico-PR - Brasileirão de 2000

Pela Copa João Havelange, em 2000, o Bahia não estreou bem e foi derrotado pelo Fluminense, fora de casa, por 2x0. Na segunda rodada, o tricolor recebeu o Athletico-PR, na Fonte Nova, com a pressão de vencer a primeira no torneio. 

O rubro-negro saiu na frente, com gol marcado por Perdigão. Mas, no segundo tempo, o Bahia conseguiu a virada. Dedé e Luís Carlos Capixaba deram o triunfo ao tricolor por 2x1. 

Bahia 6x2 Athletico-PR - Brasileirão de 2017

Em 2017, Bahia e Athletico-PR fizeram um jogo de oito gols na Fonte Nova. A partida, pela primeira rodada do Brasileirão, marcava o retorno do tricolor à primeira divisão. 

O início do jogo deu a impressão de que o dia seria do Athletico. O Furacão saiu na frente com Guilherme. O Bahia deixou tudo igual no gol do zagueiro Tiago, mas minutos depois Marcão recolocou os paranaenses em vantagem. 

A partir daí, começou o massacre do Bahia. Zé Rafael fez um golaço por cobertura e deixou tudo igual outra vez. Na sequência, Régis virou o placar e Edigar Junio fez 4x2 para o Esquadrão. Ainda na primeira etapa, Régis guardou mais um e o Bahia foi para o intervalo vencendo por 5x2. 

No segundo tempo, o volante Edson também balançou as redes e fechou a goleada em 6x2. 

Athletico-PR 0x2 Bahia - Brasileirão de 2011

Em 2011, o Bahia foi até a Arena da Baixada com a missão de vencer o Athletico-PR fora de casa. O tricolor não havia iniciado bem o Brasileirão, mas vinha de vitória sobre o Fluminense no Maracanã.

O triunfo foi construído no segundo tempo. Em chute de fora da área, o volante Marcone abriu o placar para o Esquadrão. Minutos depois, Lulinha fez o segundo e garantiu o resultado. 

Bahia 0x1 Athletico - Sul-Americana de 2018 

Em 2018, o torcedor do Bahia saiu na bronca com a arbitragem. Pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana, o Esquadrão teve dois gols anulados com o auxílio do VAR. 

No primeiro gol, de Clayton, foi marcada falta bem duvidosa. Já no tento anotado por Ramires, a arbitragem deu impedimento. Mas a imagem deixa claro que o jogador não estava em posição irregular. 

Para piorar, o Bahia sofreu o gol e foi derrotado em casa por 1x0. Na volta, o Esquadrão devolveu o placar, mas foi eliminado nos pênaltis. 

Athletico-PR 5x0 Bahia

Entre as derrotas do Bahia para o Athletico, com certeza a da Copa Sul-Americana de 2018 é a mais dolorida para os tricolores. Mas foi pela Copa do Brasil que o Esquadrão sofreu o seu revés mais elástico. 

Em 2011, os times se enfrentaram pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Após o empate por 1x1, na Fonte Nova, o tricolor precisava vencer na Arena da Baixada para ficar com a vaga, mas foi goleado por 5x0. 

Paulo Baier, duas vezes, Manoel, Rafael Santos e Adaílton marcaram os gols que colocaram o Athletico nas quartas de final do torneio.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas