Corregedoria da PM faz simulação do caso do soldado abatido na Barra

salvador
20.06.2021, 16:22:00
Atualizado: 20.06.2021, 17:26:38
((Foto: Paula Fróes/ CORREIO))

Corregedoria da PM faz simulação do caso do soldado abatido na Barra

Marcada para às 14h, a simulação só começou depois das 15h50

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Com um caminhão atravessado em uma das vias que dá acesso ao Farol da Barra para impedir a visão de toda a prova pericial, a Corregedoria da Polícia Militar (PM) realiza, neste domingo (20), a reprodução simulada dos fatos do caso da morte do soldado Wesley Soares de Góes, no bairro da Barra, em Salvador. A reconstituição faz parte das investigações da morte do policial, que aconteceu no mesmo local, após um surto psicótico, no dia 28 de março deste ano.

Um caminhão da Departamento de Apoio Logístico (DAL) da PM está atravessado na Avenida Almirante Marques de Leão impossibilitando que as pessoas e a imprensa acompanhem a reconstituição, marcada para às 14h. No entanto, a simulação começou depois das 15h50. Foi na Marques de Leão que, no dia 28 de março, jornalistas acompanharam e registraram o episódio que resultou na morte do soldado Wesley. 

A Corregedoria da PM informou que a simulação dos fatos busca esclarecer as dúvidas surgidas no decorrer da investigação, especialmente sobre o posicionamento exato e conduta dos policiais militares envolvidos.  Ainda segundo a Corregedoria, as respostas para os questionamentos serão fornecidas por um órgão técnico, afastado das investigações, o que, de acordo com a PM, garante a lisura e transparência do processo.

Considerando as peculiaridades do local onde acontecerá o evento, no Farol da Barra, um dos pontos turísticos mais frequentados da capital baiana, o Comando de Operações da PM montou uma operação destinada ao isolamento e contenção de pessoas e veículos, com a formação de barreiras policiais em pontos estratégicos.O isolamento da área começou às 11h.

Veja fotos da ação:

(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
(Foto: Paula Fróes / CORREIO)
 

Além da Corregedoria da PM, a quem foi incumbida a investigação dos fatos, a operação conta com a participação do efetivo do CPRC/Atlântico, da 11ª CIPM/Barra e do Esquadrão Águia.  

Ainda segundo a nota divulgada pela PM, todos os advogados constituídos nos autos do inquérito, inclusive o representante da família do policial, foram notificados para acompanhar a simulação deste domingo, sendo garantida a participação através da formulação de quesitos ao Perito Oficial indicado pelo Departamento de Polícia Técnica da Bahia (DPT/BA).
 

Relembre: SSP-BA confirma morte de policial militar que deu tiros no Farol da Barra

Leia mais: Vídeo mostra momento em que PM atira contra policiais do Bope

Leia também: PM ainda não sabe o que motivou surto de policial no Farol da Barra: 'estamos surpresos'


Trânsito interditado na Barra neste domingo; Veja como está:
O trânsito foi interditado temporariamente durante o domingo (20), a partir das 11h, em algumas ruas do bairro da Barra, em Salvador. Com isso, o itinerário do transporte público também foi modificado por algumas horas. 
 
Segundo a gestão municipal, agentes de trânsito e transporte estão na região para orientar condutores, pedestres e passageiros.
 
Durante a interdição, o fluxo de veículos foi bloqueado nas seguintes vias: Avenida Sete de Setembro (trecho entre a Rua Barão de Itapuan e o Largo do Farol da Barra), Largo do Farol da Barra, Avenida Oceânica (entre o Largo do Farol da Barra e a Rua Dias D’Ávila), Rua Almirante Marques de Leão (entre o Largo do Farol da Barra e a Rua Dias D’Ávila), Rua Afonso Celso Leão (entre o Largo do Farol da Barra e a Rua Dias D’Ávila). 
 
Os veículos oriundos da Ladeira da Barra deverão fazer o retorno do Porto da Barra. Já os condutores que estiverem em Ondina no sentido Barra devem optar por seguir pela Avenida Oceânica e pelas ruas Marquês de Caravelas, Cézar Zama e Barão de Sergy. Os moradores das áreas interditadas tem acesso às vias mediante comprovação de residência. 
 
Ônibus
Com a interdição, os itinerários dos ônibus que circulam pela região foram temporariamente alterados. Os ônibus que descem a Ladeira da Barra deverão retornar no Porto e seguir pela Avenida Princesa Isabel, Viaduto da Gabriela, Avenida Reitor Miguel Calmon (Vale do Canela), Avenida Centenário e então seguir com seu itinerário normal. 
 
Já os ônibus que chegam da Avenida Euclydes da Cunha devem acessar a Rua da Graça, Ladeira da Barra e subir pela Avenida Princesa Isabel. As linhas vindas de Ondina devem acessar a Rua Marquês de Caravelas, Alameda Antunes, Avenida Princesa Isabel, Avenida Princesa Leopoldina, Reitor Miguel Calmon (Vale do Canela), Avenida Centenário e então seguir seu itinerário regular.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048