De volta ao time, Teixeira vive expectativa por estreia na Série A

e.c. bahia
11.06.2021, 16:56:00
Atualizado: 11.06.2021, 16:59:45
Matheus Teixeira e Oscar Ruiz durante treino do Bahia na Cidade Tricolor (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

De volta ao time, Teixeira vive expectativa por estreia na Série A

Esquadrão encara o colorado neste domingo (13), em Pituaçu

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Destaque do Bahia na reta final da Copa do Nordeste, o goleiro Matheus Teixeira vive momento iluminado no tricolor. Depois de ficar no banco durante a temporada passada inteira, ele ganhou as primeiras oportunidades na equipe, não decepcionou e caiu nas graças do torcedor.

De volta ao posto de titular após tratar de lesão, o jovem goleiro agora se prepara para disputar a sua primeira Série A. Neste domingo (13), ele estará em campo no duelo contra o Internacional, às 20h30, no estádio de Pituaçu, pela terceira rodada da competição. Nos dois primeiros jogos, Mateus Claus foi o titular.  

Durante entrevista na Cidade Tricolor, Teixeira não escondeu a expectativa pelo momento de disputar o principal torneio do país, mas também lembrou que torce pelo sucesso dos companheiros.

"A gente fica muito feliz quando tem o trabalho reconhecido. Agradeço aos meus companheiros, sabemos como é difícil uma posição em que só um joga. Enquanto um joga o outro tem que ter paciência, saber lidar com o momento. Eu sei que não é fácil, é a nossa carreira que está ali, mas temos que saber respeitar o momento do outro, como eu respeitei o momento deles e eles respeitam o meu. Eu agradeço a todos, acho que é o meu momento de aproveitar a oportunidade e quero fazer da melhor maneira possível", disse.

Matheus contou ainda que, pelo nível dos jogadores do Bahia, criou certo receio de perder a posição de titular após ter parado para tratar a lesão. Durante o período dele fora da equipe, Douglas e Mateus Claus foram escalados na meta tricolor. 

"A gente sabe que o nível dos jogadores do Bahia é altíssimo, quando perdemos a oportunidade de estar atuando, tem esse receio de saber se vamos voltar a atuar, se ter essa posição de titular ou não. Mas isso a gente deixa para o treinador, tentamos fazer o melhor trabalho em campo, o nível dos quatro goleiros é alto, e que entrar vai dar o melhor e corresponder com o que o torcedor o treinador espera", continuou ele.

O duelo contra o Internacional será o segundo do Bahia como mandante no Brasileirão. Na estreia, a equipe de Dado Cavalcanti bateu o Santos por 3x0. Na sequência, o Esquadrão foi até Bragança Paulista, onde ficou no empate por 3x3 com o Red Bull Bragantino.  

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas