Debate Bahia 40+ aponta revolução digital para futuro da economia

bahia
21.05.2019, 12:26:30
Atualizado: 21.05.2019, 14:35:07
Debate Conferência Bahia 40+ discute crescimento da economia no estado (Foto: Priscila Natividade/CORREIO)

Debate Bahia 40+ aponta revolução digital para futuro da economia

Avena destacou ainda a  importância de resolver os gargalos que ainda entravam este crescimento

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Mediado pelo economista e colunista do Correio*, Armando Avena, o debate sobre as perspectivas para o novo ciclo de crescimento do estado marcou o encerramento da primeira edição do Seminário Bahia +40 O futuro da economia. A mesa reuniu o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), Ricardo Alban, Luciano Sampaio (PwC), Guilherme Moura (Faeb) e a gerente da unidade de Gestão do Serviço de Apoio a Pequena e Micro Empresa (Sebrae-BA), Isabel Ribeiro.

Conferência Bahia 40+ debate história e futuro da economia baiana

"O grande mote que precisamos para a economia e o desenvolvimento social é a inovação. Vamos pensar junto. E eventos como esse ajudam a enxergar estas soluções", destaca Alban.

Em seguida, Isabel Ribeiro do Sebrae comentou as iniciativas do Sebrae para fomentar o crescimento do pequeno negócio. "Um dos nossos pilares está na digitalização, em incluir o pequeno negócio no processo de transformação digital. Também precisamos reduzir os gargalos para gerar emprego. Qualificar os nossos trabalhadores para atuarem no mercado", destacou. 

O sócio da PwC, Luciano Sampaio reforçou mais uma vez a importância das transformações digitais para que o desenvolvimento aconteça. "Isso deve ser explorado de maneira planejada, estruturada e sustentável". 

O agronegócio também deve estimular negócios inovadores, como avalia o vice-presidente administrativo da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Sistema Faeb), Guilherme Moura.

"A agricultura brasileira passou por esse salto por conta da tecnologia. A Bahia se tornou a maior produtora de cacau por conta da criação da Embrapa na década de 1970. A Bahia tem uma condição muito interessante porque é um estado bem heterogêneo. E isso passa por pesquisa e tecnologia. A gente tem que pensar em alternativas que possam ser adaptadas, e o desenvolvimento da cadeia produtiva vai passar por isso, junto a políticas estruturadas de desenvolvimento. A próxima revolução do setor vem com a transformação digital", acrescenta.

Ao finalizar o debate, Avena destacou ainda a  importância de resolver os gargalos que ainda entravam este crescimento, como o futuro da Refinaria Landulpho Alves (Rlam). "A Rlam tem 70 anos e se ela não for modernizada, a gente vai perder mais competividade. O Petróleo da Bahia não serve mais para a Petrobras. Eu não vejo outra saída", defendeu. 

A Conferência Bahia 40+ O Futuro da Economia faz parte do projeto Correio 40 anos, que tem oferecimento do Bradesco, patrocínio do Hapvida e Sotero Ambiental, apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador e apoio de Vinci Airports, SESI, Salvador Shopping, Unijorge, Claro, Itaipava Arena Fonte Nova, Sebrae, Santa Casa da Bahia.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moda-comunica-mais-que-tendencias/
Representatividade  é o tema desse editorial fotografado e protagonizado por jovens negros
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-sofrencia-musicas-de-arrocha-foram-as-mais-ouvidas-pelos-baianos-na-quarentena/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bisneta-de-mae-senhora-inspira-baiana-azul-de-amaralina-conheca-cida-de-nana/
Bel Borba a contratou como modelo para monumento às baianas sem saber de ascendência, que inclui Mestre Didi e uma das fundadoras da 1ª casa de candomblé
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/devo-ou-nao-devo-usar-mascara-na-atividade-fisica-eis-a-polemica-precos-chegam-a-r-120/
Tire suas dúvidas e confira 10 máscaras esportivas disponíveis no mercado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bau-do-marrom-o-dia-que-daniela-mercury-superou-britney-spears-em-portugal/
Durante a apresentação de Daniela Mercury no Rock in Rio Lisboa em 2004 falei até na TV portuguesa sobre Daniela
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/em-quarentena-anitta-lanca-clipe-para-tocame-com-gui-araujo-assista/
Vídeo traz fãs dançando em casa; é a primeira vez que funkeira contracena com namorado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/secretario-do-ministerio-da-saude-destrata-garcom-em-transmissao-ao-vivo-sai-dai/
Élcio Franco falava em medidas de segurança para reabertura da economia quando se incomodou com presença de servidor
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policia-acredita-que-naya-rivera-se-afogou-e-busca-agora-e-por-corpo/
Imagens de câmera de segurança mostram ela saindo no barco com filho
Ler Mais