'É preciso superar ameaças anti-democráticas', diz Lula em evento do PT na Fonte Nova

bahia
02.07.2022, 18:54:00
(Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

'É preciso superar ameaças anti-democráticas', diz Lula em evento do PT na Fonte Nova

Ato reuniu apoiadores do ex-presidente após o cortejo do 2 de julho

Depois de caminhar partindo da Lapinha no cortejo cívico do 2 de julho, Luis Inácio Lula da Silva, pré-candidato à presidência, participou de evento do Partido dos Trabalhadores (PT) no início da tarde de sábado (2) na Arena Fonte Nova. O PT não confirmou o número de presentes, mas informou que 15 mil pessoas tinham se cadastrado para ir ao estádio. 

Lula entrou no palco de mãos dadas com o governador Rui Costa, os pré-candidatos ao governo do estado Jerônimo Rodrigues e Geraldo Júnior, o pré-candidato à vice-presidência Geraldo Alckmin e o ex-governador Jacques Wagner. No discurso, o ex-presidente ressaltou a necessidade de não tolerar afrontas contra a democracia. 

ACOMPANHE AQUI A COBERTURA COMPLETA DO DOIS DE JULHO

"É preciso superar o autoritarismo e as ameaças anti-democráticas. Não toleraremos qualquer espécie de ameaça ou tutela sobre as instituições representativas do voto popular. Para sair da crise e voltar a se desenvolver, o Brasil precisa de normalidade e respeito institucional", falou. 

O pré-candidato fez promessas e disse que seu foco está em áreas como a ciência e a cultura. Direcionando as palavras para a eleição estadual, depois de apontarem uma possível 'falta de ênfase' no apoio de Lula à Jerônimo Rodrigues, ele disse que está alinhado com o candidato do PT enquanto falava da importância do 2 de julho. 

(Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

"A independência veio acontecer quando homens, mulheres, índios, negros e muita gente desse estado resolveu levantar a cabeça e mandar os portugueses embora definitivamente. [...] E aqui nesse estado, na Bahia, eu tenho candidato e o meu candidato é Jerônimo.", afirmou.

O governador Rui Costa também discursou no evento, afirmou que a Bahia precisa de Jerônimo e pediu por uma eleição de Lula em primeiro turno. "Esse cara [Jerônimo] é do bem e a Bahia precisa de alguém que abrace o presidente, que ajude e tenha intimidade com o presidente. E quero a pedir a vocês, no WhatsApp e nas ruas, pra gente dar a maior vitória do Brasil para Lula", disse o governador.

Jerônimo adotou um discurso otimista e fez a promessa de continuar o trabalho conduzido por Rui nos últimos anos. "Nós vamos dar continuidade ao que Jacques começou e o que Rui está fazendo agora. Mas, já que fui desafiado, vou fazer melhor porque terei, diferente de Rui, o presidente da república ao meu lado", falou.

Fotos com pessoas duplicadas
Uma das fotos publicadas pela equipe do ex-presidente Lula (PT) durante a passagem dele em Salvador para a celebração do 2 de Julho mostra uma sobreposição com pessoas duplicadas. O registro foi alvo de chacota de bolsonaristas, enquanto a campanha de Lula disse que tratou-se de um bug.

Olhando atentamente a imagem panorâmica é possível notar a repetição de algumas pessoas na foto, como, por exemplo, um homem de camisa verde listrada, outro vestindo um chapéu de palha e uma moça de boina vermelha. 

Após as críticas dos bolsonaristas na Internet, que acusaram o PT de querer mostrar mais gente do que realmente tinha, a assessoria de Lula publicou uma foto do mesmo ângulo, mas feita por um drone, onde o efeito não se repete. "A verdade dói no cotovelo de alguns. Segue uma foto não panorâmica, tirada com drone, do Ricardo Stuckert", reagiu Lula em seu perfil. 

Compare as fotos:

Foto sem 'bug'
Foto com 'bug'



***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas