Emilly vai à delegacia prestar depoimento sobre agressão de Marcos

Famosos
17.04.2017, 11:29:00

Emilly vai à delegacia prestar depoimento sobre agressão de Marcos

Na manhã desta segunda (17), a campeã do BBB17 compareceu à Delegacia Especial de Atendimento à Mulher acompanhada de três seguranças

Depois de subir ao palco no show de Luan Santana, neste domingo (16), no Rio, Emilly Araújo, campeã da última edição do Big Brother Brasil, compareceu à Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), na manhã desta segunda-feira (17). A gaúcha chegou ao local acompanhada de três seguranças e da irmã gêmea, Mayla, que também participou do programa. Emilly foi intimada a prestar depoimento no inquérito que investiga indícios de agressão a ela pelo cirurgião Marcos Harter durante o BBB17. A delegada Viviane Costa Ferreira cuida do caso e também ouviu o médico na última quarta-feira (12)

Emilly foi recebida por fãs (Foto: Reprodução)

Entre outros episódios, em uma briga, Marcos apontou o dedo na cara da gaúcha e, diante da repercussão do caso nas redes sociais, foi expulso da casa pela produção do programa, três dias antes do fim do confinamento. Emilly foi às lágrimas quando soube da expulsão do participação.

A jovem de 20 anos chegou à delegacia em Jacarepagua, Zona Oeste do Rio, pouco depois das 10h e era esperada por um grupo de fãs. Cerca de quinze pessoas foram prestar solidariedade à ex-BBB. Algumas, inclusive, carregavam cartazes com frases de apoio como "Emilly, você não está só". Apesar da campanha nas redes sociais em torno da conscientização de violência às mulheres, de acordo com a jornalista Keila Jimenez, a gaúcha não deve incriminar o médico. 

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas