Entrou água: Vitória leva gol cedo e perde para o Vasco

e.c. vitória
07.08.2021, 22:22:00
Atualizado: 08.08.2021, 17:36:02
O cacau caiu com força no Barradão e o Vitória chegou ao quinto jogo seguido sem vencer (Foto: Rafael Ribeiro/CR Vasco da Gama)

Entrou água: Vitória leva gol cedo e perde para o Vasco

Rubro-negro levou 1x0, gol marcado por Sarrafiore; partida chegou a ficar 1h paralisada por conta da forte chuva que caiu em Salvador

Afogado numa lagoa de desgraça, o Vitória deu mais um passo para chegar à Série C, de quem já tenta fugir há três temporadas e parece ser um destino quase inevitável dado o futebol pobre e caos administrativo do clube. Neste sábado (7), numa noite em que rolou muita água e pouco futebol no Barradão, o Vitória foi derrotado pelo Vasco por 1x0, chegou ao quinto jogo consecutivo sem vencer e entrou na zona de rebaixamento da Série B. A partida ficou paralisada por exatamente 1h porque, no primeiro tempo, a arbitragem decidiu que o melhor a se fazer devido às condições do gramado no Barradão. Muita chuva caiu em Salvador e jogar bola nessas condições era missão impossível. Não que o Leão venha jogando em boas condições climáticas.

Àquela altura, o Vasco já vencia por 1x0 graças ao gol marcado por Sarrafiore após cobrança de escanteio feita por Zeca. Com o gramado naquelas condições triste, era de se imaginar que a bola parada fosse decisiva. Pena que a defesa rubro-negra não pensou assim e foi muito desatenta no lance. O argentino mergulhou sozinho para abrir o placar.

A chuva continuava caindo. Cinco minutos após o gol e Leandro Vuaden decidiu parar a partida alegando a preservação da integridade física dos atletas. Um pouco antes, Wallace recebeu cartão amarelo por uma entrada dura em Morato, agravada pela chuva. A partida ficou paralisada por exatamente 1h. E a chuva continuava apertando.

Na volta, o Vitória melhorou e conseguiu criar mais. De perna direita, Van soltou uma bomba que passou bem perto do ângulo do goleiro Vanderlei. Um pouco antes e o goleiro do Vasco precisou sair de soco em cobrança de falta perigosa de Fernando Neto que Marcelo Alves quase conseguiu desviar.

A melhor chance pós-parada, no entanto, foi do Vasco. Cano ganhou bem pela direita e rolou para Leo Jabá, que parou em Lucas Arcanjo quase na pequena área. A bola ainda sobrou para Sarrafiore, que, para sorte do Leão, chutou torto para fora.

O Vitória seguiu mais intenso no segundo tempo. Ricardo Amadeu tentou a entrada de Vico para quem sabe num chute de fora conseguir o empate. Taticamente, o Vitória era melhor e até merecia pelo menos um empate, mas faltava criatividade e contundência para definir. Um bom resumo do que é o Leão há alguns anos. Falta competência. E, agora, mais do que nunca, sobra preocupação. Antes do final, o zagueiro Marcelo ainda foi expulso após pegar a bola com a mão depois de tomar drible de Léo Jabá. A derrota veio, mais uma, a 7ª em 16 jogos de Série B. O time fica dentro da zona de rebaixamento, na 17ª colocação, com 13 pontos. Mesmo número do Confiança, que está à frente pelo número de vitórias.

FICHA TÉCNICA
Campeonato Brasileiro | Série B | 16ª rodada
Vitória 0x1 Vasco

Data: sábado, 07 de agosto de 2021
Estádio: Manoel Barradas (Barradão), em Salvador (BA)

Vitória: Lucas Aracanjo, Van, Marcelo, Wallace e Roberto; Pablo, Guilherme (Eron) e Fernando Neto (Eduardo); Bruno (Vico), Marcinho (David) e Samuel (Samuel Grana). Técnico: Ricardo Amadeu.

Vasco: Vanderlei, Léo Matos, Miranda e Leandro Castan; Zeca, Romulo, Juninho (Andrey) e Sarrafiore (MT); Morato (Daniel Amorim), Léo Jabá e Germán Cano. Técnico: Lisca

Gols: Sarrafiore, aos 13 minutos do 1º tempo; 
Cartões amarelos: Wallace, Samuel Grana e Eron (Vitória) | Juninho e Cano (Vasco)
Cartões vermelhos: Marcelo Alves (Vitória)

Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza. Trio do Rio Grande do Sul.

*com colaboração da subeditora Fernanda Varela

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas