Erro de cálculo faz estudantes ingerirem o equivalente a 300 xícaras de café

mundo
30.01.2017, 17:34:00

Erro de cálculo faz estudantes ingerirem o equivalente a 300 xícaras de café

Os estudantes do Reino Unido perderam cerca de 10 kg e um deles teve perda de memória de curto prazo

Um grupo de estudantes de Ciência do Esporte da Universidade de Northumbria, no Reino Unido, decidiu fazer um experimento para descobrir o efeito do consumo de cafeína no exercício. O problema é que fizeram o cálculo errado e os jovens ingeriram 30 g da substância, quando deveriam ter ingerido 0,3 g. O caso aconteceu em 2015, mas só foi revelado na semana passada. As informações são da BBC.

Para fazer o cálculo da dosagem, os funcionários da universidade utilizaram uma calculadora de telefone celular, mas erraram ao digitar os decimais. O resultado foi que Alex Rossetta e Luke Parkin ingeriram o equivalente a 300 xícaras de café. 

Como efeito colateral, Rossetta perdeu a memória de curto prazo e 12 kg, precisando ficar seis dias internado. Parkin permaneceu dois dias na UTI e perdeu 10 kg. Ambos fizeram um tratamento de diálise - procedimento que promove a filtragem do sangue, e se recuperaram. Segundo Adam Ferrer, encarregado do caso, existe histórico de morte por consumo de 18 g de cafeína.

A universidade foi multada em mais de US$ 500 mil por um tribunal. Rosetta e Parkin vão processar a instituição.

Os estudantes ingeriram 100 vezes mais cafeína do que o necessário para o experimento (Foto: PA Images)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas