Fotobiografia ‘Revela-te, Chico’ mostra a trajetória Chico Buarque

entretenimento
04.05.2019, 06:03:00
Foto de Chico Buarque do livro Revela-te, Chico - Uma Fotobiografia, organizado por Augusto Lins Soares (Reprodução)

Fotobiografia ‘Revela-te, Chico’ mostra a trajetória Chico Buarque

São 210 imagens icônicas, raras e inéditas, de autoria de mais de 50 profissionais; veja algumas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Basta pesquisar um pouco sobre a trajetória do cantor e compositor Chico Buarque, 74 anos, para perceber que, na verdade, existem vários Chicos: o pai, o filho, o marido, o parceiro, o amigo, o politizado, o intelectual, o que gosta de futebol, de literatura, de teatro...

Exílio: O cantor em seu apartamento em Roma, onde viveu por 15 meses, entre 1969 e 1970. Ali, participou de  programas de TV, e realizou uma turnê com Toquinho e Josephine Baker
(Foto: Cristiano Mascaro/Divulgação)

O perfil multifacetado do artista sempre impressionou  o designer e jornalista Augusto Lins Soares, diretor de arte há 25 anos. E foi também o que deu origem à  narrativa criada por Augusto no livro Revela-Te, Chico - Uma Fotobiografia (Bem-Te-Vi/R$ 145/ 245 págs.). 

“Comecei a pensar em projetos na área de livros em 2016, mas queria algo que fosse menos explorado. Foi quando vi que fotobiografia era esse caso no Brasil. De imediato, lembrei de Chico, porque precisaria ser alguém com quem eu tivesse empatia, admirasse e que conhecesse a história”, conta.

À vontade: Chico Buarque compõe ao violão em clique de 1968
(Foto: Cynira Arruda/Divulgação)

Pesquisa
Após conseguir autorização do próprio Chico no início de 2017, Augusto dedicou quase dois anos para pesquisa nos mais diversos acervos, nos quais  ele teve acesso a 20 mil imagens do artista. Selecionou 210 fotografias, de autoria de mais de 50 profissionais, entre imagens icônicas, raras e inéditas. O material iconográfico de Revela-te, Chico é farto, premissa básica para uma boa fotobiografia.

Designer e jornalista Augusto Lins Soares passou quase dois anos pesquisando imagens de Chico
(Foto: Divulgação)

“A ideia é trazer imagens que foram pouco divulgadas e até inéditas, mas óbvio que não tinha como fugir das clássicas. Fui pessoalmente nos acervos de editoras, jornais, revistas, museus, fundações, atrás das imagens”, revela Soares.

 Tropicalistas: Caetano Veloso e Chico Buarque no show de 1972, no Teatro Castro Alves. Desse encontro, saiu um histórico disco ao vivo
(Foto: Arlete Soares/Divulgação)

Os textos que acompanham as imagens, como legendas históricas que as contextualizam, são do jornalista e escritor Joaquim Ferreira dos Santos. Augusto passou a ele as informações que tinha levantado nas pesquisas e nas consultas que fez a Mario Canivello, assessor de Chico há 31 anos. A partir disso, Joaquim escreveu as histórias por trás das fotos.

Entre as fotos inéditas está um registro do ensaio feito para a revista Realidade, de 1966 (foto abaixo). “Na capa que foi às bancas, a revista escolheu outra imagem, na qual aparecem Nara Leão (no lugar de Elis), Jair Rodrigues e Magro, do MPB4. Tive acesso a vários ensaios de Chico e selecionei fotos inéditas”, lembra Augusto, que considerou, na seleção, o valor histórico das imagens, a memória afetiva e a qualidade estética. 

Clique inédito: Em foto inédita de ensaio dos ‘novos nomes do samba’ para a revista Realidade (1966) estão Rubinho Barsotti, Chico Buarque, Elis Regina, Paulinho da Viola, Gilberto Gil, Toquinho e Caetano Veloso
(Foto: David Drew Zingg/Divulgação)

Estrutura
Revela-te, Chico começa com 18 retratos do artista - um Chico de sunga em 1973, outro sorrindo, de bigode, em 1974 - e com a apresentação assinada por Lins Soares. As imagens seguintes formam uma linha do tempo visual com momentos marcantes da vida do artista, incluindo shows e participações em festivais. Essa parte termina com a turnê Caravanas, em 2018. 

(Foto: Leo Aversa/Divulgação)

Não faltam cliques com a família - incluindo a ex-esposa Marieta Severo -  e os amigos. É o caso de Caetano Veloso, Toquinho, Gilberto Gil, Maria Bethânia, Nara Leão (1942-1989), Tom Jobim (1927-1994), Vinicius de Moraes (1913-1980), Dorival Caymmi (1914-2008), Elis Regina (1945-1982), entre outros nomes ilustres.

4 Parceria  Em foto no sítio do produtor musical João Evangelista Leão, Chico posa com Toquinho. Os dois mantinham uma relação de parceria e amizade
4 Parceria Em foto no sítio do produtor musical João Evangelista Leão, Chico posa com Toquinho. Os dois mantinham uma relação de parceria e amizade (Paulo Salomão/Divulgação)
Chico Buarque e Dorival Caymmi gravam para um programa de fim de ano da TV Bandeirantes que depois sairia no DVD Meu Caro Amigo, em 2005
Chico Buarque e Dorival Caymmi gravam para um programa de fim de ano da TV Bandeirantes que depois sairia no DVD Meu Caro Amigo, em 2005 (Tasso Marcelo/ Divulgação)
Família Chico posa com a ex-esposa Marieta Severo e as três filhas: Luisa (a menor). Helena (a do meio) e Silvia
Família Chico posa com a ex-esposa Marieta Severo e as três filhas: Luisa (a menor). Helena (a do meio) e Silvia (Piii/Arquivo Pessoal)
Manuel Bandeira, Chico, Toquinho e Vinicius
Manuel Bandeira, Chico, Toquinho e Vinicius (Reprodução)

Augusto distribuiu bem as imagens ao longo das 240 páginas da obra. “Quando você coloca menos fotos, dá espaços brancos para a pessoa respirar, isso valoriza mais as imagens”, diz o designer.  

Apesar de trazer curiosidades dos 53 anos de carreira de Chico e de sua vida pessoal, a obra não oferece grandes revelações - as histórias já foram contadas em outras publicações. Nesse ponto, a obra parece um compilado do que já falaram sobre ele. O destaque vai justamente para as imagens inéditas, verdadeiras joias visuais.

Obras de artistas plásticos feitas sob encomenda, além da tela que Di Cavalcanti (1897-1976) pintou para Chico, em 1972, fecham o livro com chave de ouro.

Ilustração: J. Borges fez uma xilografura sobre papel em homenagem

  • Revela-te, Chico

Organização: Augusto Lins Soares
Textos: Joaquim Ferreira dos Santos
Editora: Bem-Te-Vi
Preço: R$ 145 | 240 págs 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas