Gilberto lamenta derrota e nega que esteja de saída do Bahia

e.c. bahia
30.06.2021, 21:10:32
Atualizado: 30.06.2021, 22:23:01
Gilberto marcou dois gols nos acréscimos, mas não impediu a derrota do Bahia em casa (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Gilberto lamenta derrota e nega que esteja de saída do Bahia

Atacante marcou dois gols, mas não evitou tropeço contra o América-MG

O placar apertado de 4x3 não reflete o que foi o desempenho do Bahia na derrota para o América-MG, na noite desta quarta-feira (30), no estádio de Pituaçu, pela 8ª rodada do Brasileirão.

Em noite em que fez uma apresentação fraca tecnicamente, o tricolor foi presa fácil para o Coelho e chegou a estar perdendo por 4x1. Só nos minutos finais, Gilberto marcou duas vezes e evitou o vexame em casa. Após a partida, o camisa 9 lamentou o resultado.

"Falar de um jogo que a gente não conseguiu ser intenso como somos normalmente, acho que daí é praticamente 90% do que aconteceu hoje, e os outros 10% são coisas que acontecem no jogo, normal. Os caras estavam com duas linhas bem montadas, bem justas e para entrar a gente precisava se movimentar bastante. Nesse tipo de jogo, a gente não pode nem pensar em não ter intensidade", explicou o centroavante.

Gilberto aproveitou ainda para negar que esteja de saída do Bahia. Nos últimos dias, surgiram rumores de que o atacante receberia uma proposta do futebol japonês. Com contrato apenas até o fim da temporada, o camisa 9 já deixou claro que o seu ciclo no tricolor está chegando ao fim. Para não perder o atacante de graça no fim do ano, o Esquadrão não descarta uma negociação.  

"Falar de dedicação, trabalho, companheirismo, dedicação ao que o Bahia representa pra mim. Tenho um enorme amor por essa camisa, foi o time que eu mais joguei e mais fiz gols. Muita gente fala besteira, diz que eu vou sair, não acreditem nisso. Quando eu tiver que sair o presidente vai falar com vocês. Se não for isso, vamos estar juntos até o final, brigando, se dedicando como sempre foi", afirmou.

Com os dois gols marcados sobre o América-MG, Gilberto se isolou na artilharia do Brasileirão, com seis gols. De quebra, se tornou o maior artilheiro do Esquadrão na história da Série A. com 37 gols. Ele ultrapassou Douglas, que tem 36. Nonato é o terceiro colocado, com 31.

O Bahia estacionou nos 11 pontos, quatro pontos distante do G4, e ainda pode perder posições nesta quinta-feira com o complemento da rodada. O próximo desafio do tricolor será no domingo (4), quando visita a Chapecoense, às 11h, na Arena Condá, em Chapecó, pela 9ª rodada.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas