Governador de Nova York critica atuação do Brasil no combate à covid-19

coronavírus
22.04.2020, 15:52:00
(Foto: Reprodução)

Governador de Nova York critica atuação do Brasil no combate à covid-19

Para Andrew Cuomo, estratégia adotada no país gera alto índice de mortalidade

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O governador do estado americano de Nova York, Andrew Cuomo, fez críticas à atuação do Brasil no combate à pandemia do novo coronavírus, em coletiva de imprensa na tarde desta quarta-feira (22).

Para ele, a estratégia adotada por Brasil e Suécia está permitindo um alto índice de mortalidade por covid-19. "Nesses países, você deixa acontecer. Quem for infectado, foi infectado. Quem morrer, morreu. Mas, dessa forma, muitas pessoas morrem", declarou, em tom crítico, após defender que a flexibilização das medidas de isolamento social no estado seja gradual, para evitar um salto no número de casos da doença.

Cuomo ainda ressaltou a importância da testagem em massa da população.

"Com os testes, você consegue identificar os doentes e isolá-los pontualmente. Isso vai nos fornecer mais dados sobre a infecção", afirmou, ao comentar a velocidade do fim da quarentena.

Nova York é o epicentro da pandemia nos Estados Unidos, totalizando 15.302 mortes por coronavírus até esta quarta-feira, sendo 474 só nas últimas 24 horas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas