Influencer baiano de 15 anos irrita Bolsonaro e acaba bloqueado no Twitter

em alta
15.06.2020, 11:53:32
Atualizado: 15.06.2020, 13:33:44
(Foto: Reprodução)

Influencer baiano de 15 anos irrita Bolsonaro e acaba bloqueado no Twitter

'Os dias de glória chegaram', debochou Kaique Brito

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O estudante e influencer baiano Kaique Brito, de 15 anos, morador da periferia de Salvador, foi bloqueado pelo presidente Jair Bolsonaro no Twitter, rede social de preferência do político. Foi o próprio adolescente quem comentou o caso - ele postou um vídeo brincando com a situação, mas afirmou em entrevistas que considera absurdo o ato de Bolsonaro.

Kaique faz sucesso nas redes sociais ao compartilhar vídeos irônicos dublando falas controversas de políticos e anônimos. Ele é um dos destaques do Brasil no app TikTok. Bolsonaro é uma das maiores 'vítimas' dessas imitações do garoto, o que motivou o bloqueio.

"Fico me perguntando o que se passa pela cabeça do presidente. Sou um adolescente de 15 anos. Que mal eu poderia fazer para ele? Assim como outros usuários do Twitter e do Instagram, faço comentários nas postagens e algumas dublagens dos discursos dele. Eu não lembro o que ele escreveu, mas eu comentei: “Aleluia, arrepiei’’ (frase usada por Rafa Kalimann dentro da casa do “Big Brother’’). E ele, simplesmente, me bloqueou. Sinceramente, acho um absurdo o presidente bloquear as pessoas de sua rede social. Se eu pudesse conversar com ele, falaria para levar mais a sério o cargo que ocupa e o mandaria ir trabalhar. Porque não é possível que no meio de uma pandemia ele esteja se comportando como um adolescente inconsequente", disse Kaique em entrevista ao jornal Extra

Após o bloqueio, o jovem recorreu ao deboche. Em postagem no Twitter ele disse "os dias de glória chegaram" e, em seguida, fez diversas poses para comemorar o momento.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas