IPC-Fipe registra deflação de 0,09% na 1ª quadrissemana de março

economia
10.03.2017, 08:01:00
Atualizado: 10.03.2017, 08:02:32

IPC-Fipe registra deflação de 0,09% na 1ª quadrissemana de março

São Paulo fechou fevereiro com queda de 0,8%, segundo o IPC medido pela Fipe

A cidade de São Paulo registrou deflação de 0,09% na 1ª quadrissemana de março, segundo o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), aprofundando apenas marginalmente a queda de 0,08% observada no resultado fechado de fevereiro.

Os custos de Alimentação continuaram tendo forte influência no IPC-Fipe, com recuo de 0,73% na primeira leitura deste mês, um pouco mais acentuado que a redução de 0,69% de fevereiro. Já os de Transportes diminuíram 0,19% na primeira quadrissemana de março, após caírem 0,17% no mês passado, enquanto as Despesas Pessoais recuaram 0,13%, repetindo a variação de fevereiro.

Além disso, o item Educação subiu com menos força na primeira prévia de março, registrando alta de 0,04%, depois de avançar 0,13% em fevereiro.

Em Habitação, os custos tiveram acréscimo de 0,36% na primeira quadrissemana, o mesmo do mês passado. Os de Saúde avançaram 0,71%, mostrando ligeira aceleração frente ao ganho de 0,69% de fevereiro. Em Vestuário, os preços caíram 0,33% na primeira leitura de março, após recuarem 0,42% no cálculo anterior da Fipe.

Veja abaixo como ficaram os itens que compõem o IPC-Fipe na primeira quadrissemana de março:

Habitação: 0,36%

Alimentação: -0,73%

Transportes: -0,19%

Despesas Pessoais: -0,13%

Saúde: 0,71%

Vestuário: -0,33%

Educação: 0,04%

Índice Geral: -0,09%


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas