Juninho diz que boa fase do Bahia é reflexo do trabalho de Mano

e.c. bahia
13.11.2020, 17:16:00
Juninho diz que Bahia conseguiu evoluir nas bolas aéreas (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Juninho diz que boa fase do Bahia é reflexo do trabalho de Mano

Segundo defensor, elenco conseguiu colocar as ideias do treinador em prática

O momento pelo qual o Bahia atravessa é bem diferente do que o tricolor passou durante boa parte do Campeonato Brasileiro. Os três triunfos em sequência que o time conseguiu por Copa Sul-Americana e Série A amenizaram a crise e deram mais tranquilidade para o grupo na sequência da temporada. 

Para o zagueiro Juninho, os frutos colhidos agora são reflexo do trabalho que vem sendo desenvolvido pelo técnico Mano Menezes. Segundo o defensor, o grupo demorou um pouco para entender as ideias do treinador, mas agora ela está sendo colocada em prática. 

"No começo estava um pouco complicado, era mudança de comissão. Até pegar o jeito que Mano queria tivemos um pouco de dificuldade, mas entendemos o que ele quer e estamos colocando no campo, no dia a dia aqui no CT. Graças a Deus entendemos bem o que Mano quer e isso reflete dentro do jogo", explicou ele. 

Na visão do zagueiro, um dos pontos que o grupo conseguiu evoluir após a chegada de Mano foi a bola aérea. Antes terror do sistema defensivo, a equipe já consegue mostrar um pouco mais de solidez e tem usado do artifício lá na frente. Foi pelo alto que o próprio Juninho abriu o placar para o Bahia na vitória por 2x1 sobre o Fortaleza, na última quarta-feira (11). 

"Trabalhamos muito a bola parada, fechamento de linha, uma coisa que Mano pede muito. Sabendo certinho o que queremos, conseguimos impor dentro de campo e é um reflexo do trabalho de Mano, que pega todo mundo, não só a defesa, mas os meias e atacantes para quando tiver uma bola parada ter a ajuda de todo mundo", disse.

Depois de um dia de folga, o elenco do Bahia voltou aos treinos nesta sexta-feira (13) e iniciou os trabalhos para a partida contra o Coritiba, na próxima segunda-feira (16), às 18h, no estádio Couto Pereira.

Para esse confronto, Mano Menezes conta com os retornos dos volantes Elias e Gregore, que cumpriram suspensão, mas perdeu o lateral Juninho Capixaba pelo terceiro amarelo. O substituto no setor deve ser Zeca, que disputa vaga com Matheus Bahia, mas Juninho garante que, caso necessário, também está pronto para fazer a função. Ele já atuou como lateral em outros clubes.

"Até agora Mano não conversou comigo. Sabemos que temos a ausência do Capixaba, mas temos dois laterais, que são Zeca e Matheus Bahia, vêm treinando bem. É uma dúvida que o Mano tem, mas ele sabe quem vai estar melhor preparado entre Zeca e Bahia para entrar em campo. Se ele optar por mim, vou estar à disposição também para fazer o melhor", finalizou o zagueiro.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas