'Mude ou Morra' no novo cenário econômico; leia entrevista com Renato Mendes

empregos
14.09.2020, 06:00:00
O novo cenário econômico provocado pela pandemia vem exigindo mudanças significativas para permanecer vivo. Saiba como. (Shutterstock/reprodução)

'Mude ou Morra' no novo cenário econômico; leia entrevista com Renato Mendes

Autor do livro mostra como se reinventar no novo normal do mundo pós pandemia

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

QUEM É?
Renato Mendes é autor do best-seller Mude ou Morra, finalista do Prêmio Jabuti 2019, mentor Scale Up da Endeavor Brasil, cofundador e membro do conselho do fundo de investimento Organica 10.4.3, e professor na pós-graduação de marketing digital do Insper e também na PUC-RS. Com mais de 20 anos de experiência no mercado, Renato é especialista em temas como marketing digital, universo das startups, empreendedorismo, transformação digital e muito mais. Além disso, atua como consultor, palestrante e mentor, ajudando empresas e pessoas a pensarem como startups. Conheça mais no Instagram e também no LinkedIn.  

Renato Mendes reuniu orientações importantes para que empresários consigam ter respostas mais efetivas no cenário cercado de incertezas atuais (Foto: Divulgação) 


1.Como você descreveria o cenário dessa nova economia advinda com a pandemia do novo coronavírus?

O grande impacto da pandemia na transição que estamos vivendo da velha para nova economia foi a aceleração do processo de digitalização. O coronavírus obrigou as pessoas a ficarem em casa, o que forçou uma digitalização tanto dos consumidores quanto das empresas. E claro, as empresas que estavam preparadas para o digital alavancaram seus negócios mais facilmente e agora estão colhendo os frutos disso. 

Já as empresas que não estavam preparadas para digitalização tiveram uma segunda chance para isso, e começaram a vender pelo whatsapp, por exemplo. Podemos dizer que durante os últimos meses avançamos décadas em relação ao processo de transição para a nova economia. 

2. O que os empreendedores precisam saber para sobreviver nesse cenário? 
O que é necessário mudar nas empresas para não morrer para o mercado?

Acredito que o segredo para sobreviver nesse novo mundo é pautado por alguns fatores. O primeiro deles é fazer do cliente o centro do seu negócio. Na prática isso quer dizer que as necessidades do consumidor mudaram, e as empresas precisam ser capazes de antever essas mudanças e se adequarem ao novo comportamento do consumidor. Em segundo lugar, é preciso entender que empreender é aprender, e sempre vence quem aprende mais rápido. Eventualmente é preciso mudar o produto, a forma de vender, a forma de comunicar, o canal de vendas, depende de cada momento. Ficar parado não é uma opção!

Para o autor e consultor, chegou a hora de vencer a paralisia inicial da crise e começar a se movimentar para garantir a saída econômica para os empreendimentos (foto: Divulgação)

4.Como surgiu a ideia de publicação do livro?

A ideia surgiu a partir de várias experiências que eu e o Roni Cunha Bueno (coautor do livro) tivemos juntos. Começamos a observar os líderes de empresas que conquistaram sucesso na nova economia, observamos como eles pensavam, como o mindset impactava o sucesso dos negócios, como eles agiam, etc. E percebemos alguns padrões interessantes. O livro Mude ou Morra (2018, Editora Planeta Estratégia) reúne uma série desses comportamentos, e funciona como uma espécie de manual para os empreendedores da velha economia, para que possam aprender esse novo jeito de pensar e fazer, e tornar-se vitoriosos nesse cenário.

5. Como você acha que a publicação pode ajudar a profissionais e empresas, especialmente àqueles que ainda estão resistentes ao universo digital?

Acredito que hoje em dia não existe mais a possibilidade de resistir ao universo digital. Isso deixou de ser uma opção para tornar-se uma realidade. A questão é como empreender no digital, porque a transformação digital é democrática e impacta todas as empresas, todos os modelos de negócios, de diferentes formas. O livro faz uma grande provocação, e a mensagem é que ser digital não é mais uma questão de escolha.

6.Na sua avaliação, quais são os passos para vencer essa resistência e transformar dificuldades em oportunidades?

A maior parte das empresas que se propõe a fazer essa transformação é motivada pela dor,  seja pela queda de crescimento, aumento da concorrência, etc. Para quem ainda não faz parte do digital, as principais dicas para mudar são: Entender seu consumidor e pensar em uma proposta de valor que faça sentido para remediar as dores desse cliente. Se o empreendedor ainda não digitalizou seu negócio, minha dica não é começar construindo um e-commerce, fazendo grandes investimentos. A dica é se utilizar plataformas digitais gratuitas que podem ajudar seu negócio, ouça os feedbacks do cliente, produza conteúdo de qualidade, e tente adequar sua proposta de valor para melhor serví-lo.

A obra surgiu da observação do sucesso alcançado por empresários mesmo diante de um cenário tão adverso como o atual (Foto: Reprodução)

SERVIÇO


Livro: Mude ou morra – Tudo o que você precisa saber para fazer crescer seu negócio e sua carreira na Nova Economia

Planeta Estratégia (Editora Planeta)

Número de páginas: 160

Preço: R$ 34,90

www.mudeoumorra.com.br

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas