Mulher é presa suspeita de matar vizinha após discussão por causa de som alto

bahia
22.03.2021, 18:34:00
Atualizado: 22.03.2021, 19:21:17
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Monte Santo)

Mulher é presa suspeita de matar vizinha após discussão por causa de som alto

Caso aconteceu em Monte Santo; suspeita tentou fugir, mas capotou o carro

Uma mulher foi presa suspeita de matar a vizinha a tiros após uma discussão iniciada por conta de som alto. O caso aconteceu no povoado de Trabagó, localizado na cidade de Monte Santo, a 350km de Salvador, durante a madrugada de sábado (20).

Após efetuar os disparos contra uma vizinha identificada como Gilvânia Ferreira, a suspeita tentou fugir num veículo, que capotou durante a fuga. Ela foi capturada e presa pela Polícia Militar juntamente ao seu companheiro, que é apontado pela PM como dono da arma utilizada no crime.

A confusão começou quando a mãe de Gilvânia foi até o imóvel da suspeita de praticar o crime para reclamar do volume alto do som por volta das 3h da madrugada. Um bar funciona no local.

As duas discutiram e Gilvânia tentou interferir na confusão. A dona do bar entrou no bar, voltou com uma arma e atirou na vítima. Sua mãe não foi atingida porque conseguiu fugir e pedir socorro. Gilvânia foi socorrida por familiares, que a levaram para uma unidade de saúde em Monte Santo, mas não resistiu aos ferimentos deixados pelo disparo.

Procurada, a Polícia Civil afirmou que o casal foi autuado em flagrante e o caso foi registrado na 1ª Delegacia Territorial de Euclides da Cunha. A motivação e demais circunstâncias do crime serão esclarecidas após inquérito. A delegacia de Monte Santo vai acompanhar o caso. 
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas