Nanda Costa e Lan Lanh serão mães de gêmeas: 'Somos 4'

entretenimento
27.06.2021, 19:13:00
Atualizado: 27.06.2021, 21:52:59
Casal divulgou foto de ultrassom, que mostra uma das bebês 'dando like' (Foto: Reprodução/TV Globo)

Nanda Costa e Lan Lanh serão mães de gêmeas: 'Somos 4'

'Olodum, não. Olodois', revelou médico após percussionista baiana comparar batidas do coração à banda. Atriz está com 5 meses de gestação

A atriz Nanda Costa, 34 anos, e a percussionista, cantora e compositora baiana Lan Lanh, 53, estão grávidas de gêmeos. A revelação foi feita em entrevista ao programa Fantástico (TV Globo), na noite deste domingo (27).

“Um segredo guardado com muito carinho! Somos 4. Duas Mães e duas filhas”, publicou Nanda nas suas redes sociais, antes da conversa.

No bate-papo com a repórter Milena Ceribelli, o casal contou que guardou segredo para a maioria das pessoas durante cinco meses. 

“Ela só aparece em grupos de família no WhatsApp, e eu apago antes de vazar”, “nem o porteiro sabe”, revelou a baiana Lan Lahn, que vem registrando os principais momentos da gestação desde o final do ano passado, quando decidiram adotar o método de fertilização in vitro, feito com os óvulos de Nanda.

Um desses momentos foi a descoberta de que se tratava de gêmeos.

“Eu falei: ‘nossa, como bate forte o tambor. É um Olodum!’, porque eu senti ali na batida, né? Mexeu (na alma da percussionista). Aí o médico falou: ‘não, Olodois. São dois”, relatou Lan Lahn.

Ela ainda contou que perdeu o pai há dois meses para a covid-19, e declarou que a espera dos bebês tem sido um alento para tudo de ruim que tem acontecido com a pandemia. “A notícia de duas crianças tá sendo tão bom para dar a família”, pontuou.

O casal fez três tentativas, até a gravidez ser confirmada. “A gente só queria que o doador tivesse saúde e suingue”, comentaram, antes de mostrar um vídeo em que dançam ‘Vem neném’, do Harmonia do Samba, durante a confirmação da gravidez.

Foto: Reprodução/TV Globo

Juntas há oito anos, as duas também relembraram momentos importantes da relação, como a vez em que Nanda se apaixonou por Lan Lahn, aos 14 anos, durante um show de Cássia Eller, com quem a percussionista tocava.

Elas passaram a namorar depois que ambas foram morar no mesmo condomínio, no Rio. 

Lan Lahn também apresentou uma música feita para elas, chamada ‘Duas Mães’, um presente para Nanda.

A entrevista foi divulgada na véspera do Dia Internacional do Orgulho LGBT, comemorado nesta segunda-feira (28), e que foi criado em referência à Rebelião de Stonewall, ocorrida em 1969, quando gays, transexuais e drag queens protestaram contra uma ação violenta de policiais de Nova York que queriam fechar um bar que reunia a comunidade LGBTQIA+.

Antes da conversa com o Fantástico, Nanda havia revelado em entrevista ao O Globo que planejava engravidar no ano passado, mas que teve de adiar os planos por causa da pandemia.

“Depois de cinco anos com a Lan Lanh, fui surpreendida com um desejo cada vez maior de ser mãe. Nós duas começamos a conversar, a planejar e iniciei o tratamento de fertilização. Mas, em meio ao processo, o diretor José Luiz Villamarin, com quem sempre quis trabalhar, me convidou para fazer a Érica, minha personagem em ‘Amor de Mãe“, contou na época.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas