Neymar afirma que assessores foram responsáveis por vazar 'nude' de Najila

ba-vi
07.06.2019, 13:58:13
Atualizado: 07.06.2019, 18:27:17
Neymar ao chegar para depor na delegacia, quinta-feira (Mauro Pimentel / AFP)

Neymar afirma que assessores foram responsáveis por vazar 'nude' de Najila

Jogador prestou depoimento quinta-feira (6), no Rio

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Em depoimento prestado na na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) da Polícia Civil do Rio de Janeiro durante a quinta-feira (6), Neymar disse que gravou apenas a primeira parte do vídeo publicado em sua conta no Instagram. Segundo o atacante, um profissional de sua assessoria de comunicação e um técnico em informática foram os responsáveis por juntar o vídeo às mensagens que ele havia trocado com Najila Trindade, mulher que o acusa de estupro e agressão.

Neymar é investigado pela divulgação de imagens íntimas de Najila, que trabalha como modelo. Quando o vídeo completo foi publicado nas redes sociais, o nome, rosto e fotos íntimas da modelo vazaram em algumas imagens.

Neymar afirmou que não tem conhecimento técnico para fazer a postagem do vídeo com as mensagens. Por outro lado, admite que liberou a conversa. Contudo, o jogador afirmou em depoimento que deu a ordem para que sua equipe preservasse as partes íntimas da mulher e que, por um descuido, houve o vazamento de algumas partes.

Neymar vai apresentar o assessor e o técnico em informática, que serão intimados a depor na DRCI. Todos são investigados pela divulgação das imagens íntimas da modelo. O Código Penal prevê pena de um a cinco anos de prisão para esse tipo de crime.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas