O que dá pra comprar com o valor do ovo de Páscoa? Veja cesta com 9 itens

salvador
05.04.2022, 05:15:00
(Foto: Marina Silva/CORREIO)

O que dá pra comprar com o valor do ovo de Páscoa? Veja cesta com 9 itens

Além de sete itens básicos, é possível comprar dois tipos diferentes de chocolate

Com o aumento de 13,28% nos preços do chocolate neste ano em comparação com 2021, segundo dados Federação do Comércio do estado da Bahia (Fecomércio-BA), é possível comprar, com o valor de somente um ovo de Páscoa, pelo menos sete itens básicos de alimentação e ainda levar dois tipos diferentes de chocolates para casa em Salvador.  

Para realizar a comparação, a reportagem pesquisou os valores dos ovos de chocolate em um mercado na capital baiana. O escolhido para a pesquisa foi o Kinder Ovo (150g), que custa R$69 no Atacadão da Av. Mário Leal Ferreira. O produto foi elencado por não ser o mais barato e nem o mais caro do mercado, mas por ter um preço médio e ainda ser muito utilizado para presentear crianças no feriado, já que vem com um brinde dentro.  

No percurso pelo mercado foi possível escolher nove itens no carrinho que somados dão o mesmo valor dos ovos de Páscoa. Foram eles: 1kg de filé de peito (R$18,90); arroz (R$4,79), feijão (R$7,19); açúcar cristal (R$3,55); leite (R$3,99); óleo de soja (R$10,49); manteiga (R$6,49); caixa de chocolate (R$8,99) e uma barra de chocolate (R$4,79). A pesquisa foi feita na quarta-feira (23).  

À direita, todos os produtos que podem ser comprados com o valor de um ovo de Páscoa

Depois de realizada a simulação, a reportagem mostrou o resultado para quem fazia compras no mercado. Uma das pessoas que se assustou com a comparação foi o oficial de justiça David Felipe dos Santos, de 37 anos. Apesar de não ter filhos, o oficial de justiça costuma presentear os sobrinhos, mas este ano disse que não vai ter como comprar o maior símbolo do feriado. 

Afinal, para quem está com o bolso apertado, fica fácil escolher entre um carrinho cheio e só um ovo de chocolate. “Está fora de cogitação comprar os ovos por causa do preço. Eu prefiro dar outras coisas equivalentes, como barra de chocolate, ou até esperar a Páscoa passar porque os preços caem muito depois do feriado”, afirma.

*Com orientação da subeditora Fernanda Varela.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas