Pelourinho: Joia arquitetônica do Brasil colonial

salvador
26.05.2019, 06:04:00
Atualizado: 26.05.2019, 16:44:04

Pelourinho: Joia arquitetônica do Brasil colonial

As construções do barroco português emprestam charme as ladeiras, vielas e largos do Centro Histórico de Salvador

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

23/01/1979

O conjunto de casarões dos séculos XVII e XVIII do Pelourinho, considerado Patrimônio da Humanidade pela Unesco desde 1985, se espalha por ladeiras, largos e vielas com calçamento pé de moleque. Revitalizado desde a década de 1990, as construções em estilo barroco português são o cenário para o vaivém de gente de Salvador, do Brasil e do mundo.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas