PMs batem em ônibus durante perseguição no Jardim Cruzeiro

salvador
30.11.2017, 09:42:22
Atualizado: 30.11.2017, 17:02:46

PMs batem em ônibus durante perseguição no Jardim Cruzeiro

Moto com policiais colidiu após desviar de pedestre

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Dois policiais lotados na 17ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Uruguai) que estavam em uma moto colidiram com a traseira de um ônibus da empresa Integra na manhã desta quinta-feira (30) durante uma perseguição na Avenida Caminho de Areia, no bairro de Jardim Cruzeiro, em Salvador.

De acordo com a Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador), o acidente aconteceu por volta das 9h30. 

A Polícia Militar informou, em nota, que os PMs estavam em ronda no bairro quando avistaram dois homens a bordo de uma motocicleta tentando praticar um assalto a funcionários de uma empresa de call center da região. 

Ao perceber a aproximação dos policiais, os suspeitos fugiram do local em alta velocidade. Os PMs acompanharam o veículo mas, ao desviar de um pedestre, acabaram colidindo com a traseira do ônibus. 

Ainda de acordo com a PM, os policiais foram socorridos por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhados para o Hospital Agenor Paiva, também na Cidade Baixa. Eles tiveram leves escoriações e passam bem. Apesar do acidente, o trânsito no local flui normalmente. 

Acidente fatal
No último domingo (26), dois policiais militares da 50ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/ Sete de Abril) morreram após se envolverem em um acidente de trânsito, no bairro de Canabrava. Os PMs estavam trabalhando de moto quando aconteceu o acidente fatal. 

Os dois caíram em frente ao portão principal do Barradão. Eles faziam parte do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto Rápido) da 50ª CIPM e foram socorridos para o Hospital Geral do Estado (HGE) e Hospital São Rafael. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) confirmou que os dois PMs sofreram traumatismo craniano.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas