Policiais revistarão todo mundo que tentar acessar o Nordeste de Amaralina

salvador
02.12.2020, 07:00:00
Atualizado: 02.12.2020, 08:59:56

Policiais revistarão todo mundo que tentar acessar o Nordeste de Amaralina

Operação acontece nesta quarta-feira (2) e policiamento no bairro será reforçado

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A ordem é de revista total. Carros, pedestres, motociclistas, todo mundo que tentar acessar o Nordeste de Amaralina por diferentes entradas será abordado.

É que acontece na manhã desta quarta-feira (2) uma operação conjunta das polícias Militar e Civil. A ação será  seguida de ocupação da área pelos policiais e tem como objetivo combater uma facção criminosa que atua na localidade.

A operação busca ainda evitar a formação de grupos que planejam crimes e tentam expandir o domínio pelo tráfico de drogas em outras regiões.De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, unidades especializadas reforçarão os trabalhos preventivo e repressivo em áreas mapeadas por ações de inteligência.

Policiais ficarão a postos para realizar as revistas em vários pontos de entrada e saída do complexo. Além disso, o policiamento na região será ampliado por tempo indeterminado.

Cinco capturados
Durante as revistas, cinco suspeitos de integrarem uma facção foram localizados e detidos. Eles foram encaminhados para a 7ª Delegacia (Rio Vermelho), onde ficarão à disposição da justiça.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), moradores podem fazer denúncias anônimas através dos telefones 3235-0000 ou 190.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas