Produtores de algodão doam equipamentos e dinheiro para conter avanço da Covid-19

especiais patrocinados
23.04.2020, 06:00:00
Prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira, recebe doações da Abapa, representada pela diretora, Alessandra Zanotto (Foto: divulgação)
Estúdio Correio -

Produtores de algodão doam equipamentos e dinheiro para conter avanço da Covid-19

Conheça as ações da Abapa para combater pandemia no Oeste baiano

A disseminação do novo coronavírus alterou radicalmente as relações humanas em todo o planeta, interferindo na vida de quem reside em grandes centros urbanos e também de quem está no interior. A ameaça diante da pandemia – que trouxe com ela a maior crise global dos últimos 100 anos -, despertou o sentimento de cooperação entre os brasileiros, envolvendo inclusive empresas e entidades, que vêm se mobilizando para combater o avanço da doença.

Os produtores rurais, unidos através da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), direcionaram seus esforços e lançaram várias iniciativas, como a doação, em 13 de abril, de 6 mil toalhas de algodão, distribuídas pelo Governo do Estado às unidades de saúde para o enfrentamento ao coronavírus.

O vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico, recebe doações de representantes da Abapa

No mesmo dia, foram doados à prefeitura de Luís Eduardo Magalhães materiais como lençol, luvas e máscaras descartáveis, óculos de proteção, álcool em gel e sabonete líquido. A entrega aconteceu no hospital que atende os casos de coronovírus e contou com as presenças do prefeito Oziel Oliveira e da diretora da Abapa, Alessandra Zanotto.

“Em nome da população do nosso município, agradeço a doação destes materiais, fundamentais nos atendimentos. O apoio dos produtores e de todo o setor agrícola tem sido fundamental neste momento de crise, quando os empresários e a população se mostram solidários”, afirmou o prefeito de Luís Eduardo Magalhães. Para Alessandra Zanotto, “nem tudo o que fizermos talvez seja suficiente para combater ou diminuir o problema. Mas cada doação e ato de solidariedade são válidos nesse momento”.

Outros R$ 500 mil já tinham sido destinados pelos produtores rurais, por meio da Abapa, para a compras de insumos e equipamentos de proteção individual para que os profissionais de saúde possam atender os pacientes de outros municípios. “As doações foram feitas às secretarias de saúde dos municípios ligados à atividade agrícola no Oeste da Bahia, a exemplo de Baianópolis, Barreiras, Correntina, Cocos, Jaborandi, Formosa do Rio Preto, Luís Eduardo Magalhães, Riachão das Neves, São Desidério e Wanderley”, afirma o presidente da Abapa, Júlio Cézar Busato.

Doações à Barreiras
Doações à Barreiras
Doações à Barreiras
Doações à Barreiras
Doações à Luís Eduardo Magalhães
Doações à Luís Eduardo Magalhães
Doações à Luís Eduardo Magalhães
Doações à Luís Eduardo Magalhães
Doações à Luís Eduardo Magalhães
Doações à Luís Eduardo Magalhães
Doações à São Desidério
Doações à São Desidério
Doações à Formosa do Rio Preto
Doações à Formosa do Rio Preto
Doações à Baianópolis
Doações à Baianópolis
Entrega de 4.100 toalhas para Secretaria de Saúde da Bahia
Entrega de 4.100 toalhas para Secretaria de Saúde da Bahia
Entrega de 1 mil toalhas para Secretaria de Saúde da Bahia
Entrega de 1 mil toalhas para Secretaria de Saúde da Bahia
Entrega de 200 toalhas ao Hospital Menandro de Farias
Entrega de 200 toalhas ao Hospital Menandro de Farias
Entrega de 300 toalhas ao Hospital Aristides Maltez
Entrega de 300 toalhas ao Hospital Aristides Maltez
Doações ao Hospital do Oeste
Doações ao Hospital do Oeste
Entrega de 300 toalhas ao Hospital Santo Antônio
Entrega de 300 toalhas ao Hospital Santo Antônio
Doações à Riachão das Neves
Doações à Riachão das Neves
Doações à Riachão das Neves
Doações à Riachão das Neves
Doações à Correntina
Doações à Correntina
Entrega de Camisas Sou de Algodão
Entrega de Camisas Sou de Algodão

Durante o ato de entrega do material, a prefeita de Wanderley, Fernanda Sá Teles, agradeceu aos agricultores que tem um olhar sensibilizado para as grandes causas que movem o País e os pequenos municípios.  “Em nome do povo de Wanderley, meu muito obrigado aos produtores de algodão e à Abapa por esta iniciativa tão linda para todos nós”. O prefeito de Cocos, Marcelo Emerenciano, também agradeceu pelo ato solidário. “Gostaria de externar a minha gratidão a todos vocês da Abapa que estão de parabéns por este gesto de solidariedade e amor ao próximo”, afirma.

Representantes da Abapa entregam 300 toalhas de algodão ao Hospital Santo Antônio

Laboratório
Mais uma ação da Abapa que está fazendo a diferença no combate à Covid-19 é resultado de um investimento de R$ 370 mil na aquisição de equipamentos e insumos para possibilitar que testes para diagnóstico da doença possam ser realizados no laboratório da Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), em Barreiras. Com o aporte de recursos, poderão ser feitas até 3 mil testagens, apoiando, emergencialmente, as secretarias de saúde da região para agilizar as respostas sobre casos suspeitos.

“Desde que foi declarada a pandemia, a universidade instituiu um grupo para o enfrentamento da Covid-19, e alguns especialistas se disponibilizaram a oferecer o conhecimento e a estrutura dos nossos laboratórios para colaborar com os diagnósticos. Com o diálogo e apoio da Abapa e Prefeitura de Barreiras, conseguimos firmar um convênio para colaborar com a sociedade neste momento em que é necessária a união de todos os setores, cada um fazendo a sua parte, para vencer a pandemia”, afirma o reitor da UFOB, Jacques Miranda.

Segundo ele, o investimento da Abapa foi fundamental para o funcionamento da estrutura pela universidade que, além de reduzir o tempo entre a coleta da amostra e a divulgação do diagnóstico, diminuiu a demanda do Laboratório Central, em Salvador, que concentra a realização dos exames na Bahia.

“É uma ajuda oportuna, que vem reforçar o trabalho que o Governo da Bahia vem fazendo para conter a pandemia”, avalia o vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico.

“Esta é uma ação que fortalece o combate ao novo coronavírus na Bahia, melhorando o atendimento aos pacientes nos hospitais e unidades de saúde e potencializando a realização de testes para diagnóstico da Covid-19 na região Oeste. Agradecemos a todos os produtores rurais da Abapa por esta valiosa contribuição”, ressaltou o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro. Depois de passada a pandemia, o laboratório será utilizado pela UFOB para a identificação e testes de enfermidades como Dengue, Chicungunya e Zika.

Para o presidente da Abapa, estas iniciativas demonstram o compromisso dos produtores rurais diante da pandemia:

“Este é o momento de dificuldade nunca visto, que trará impactos sociais e econômicos. Independente de tudo, é importante que estejamos unidos para vencer este vírus. Os produtores, como sempre, quando são chamados pela sociedade, estão prontos para contribuir. Neste momento, não seria diferente”.

As ações da Abapa de apoio ao enfrentamento do coronavírus contam com recursos do Fundeagro.

O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas