Prova de fogo: Vitória tem sequência contra três times do G8

e.c. vitória
29.06.2022, 10:10:00
Alan Santos confia em recuperação do Vitória na Série C (Victor Ferreira/ECV)

Prova de fogo: Vitória tem sequência contra três times do G8

O primeiro desafio é diante do Figueirense, sábado (2), às 19h, no Barradão

O Vitória terá uma prova de fogo pela frente. O rubro-negro vai encarar uma sequência cascuda no começo do mês de julho. Os próximos três jogos serão contra adversários que integram o G8, grupo de times que brigarão pelo acesso na próxima fase da Série C do Brasileiro. Figueirense, São José-RS e Paysandu estão entre os protagonistas desta edição do torneio. 

Apesar do nível de dificuldade que os rivais tendem a impor, o Vitória vai precisar mostrar força para não se complicar ainda mais na tabela de classificação. Com os mesmos 12 pontos do Campinense, 17º colocado e primeiro time dentro da zona de rebaixamento, o Leão ocupa a 16ª posição, porque leva a melhor que o time de Campina Grande no saldo de gols. 

A única forma de se garantir fora do Z4 sem depender de outros resultados é ganhar do Figueirense, sábado (2), às 19h, no Barradão. O adversário da vez é o 6º colocado da Série C, com 19 pontos e 52,8% de aproveitamento. Nunca foi derrotado atuando como visitante e ocupa o 3º lugar desse ranking após um triunfo e cinco empates. 

Será o primeiro jogo do novo técnico João Burse no Barradão. Ele estreou na rodada passada, quando o Vitória empatou sem gols com o Altos, no estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina, no Piauí. Como já treinou anteriormente as categorias de base do rubro-negro, ele está acostumado a comandar dentro do estádio e vai tentar melhorar os números do time como mandante. 

Nesse quesito, o rubro-negro tem a quarta pior campanha da Série C, com apenas duas vitórias em seis jogos e aproveitamento de 33,3%. Apesar dos tropeços, o capitão Alan Santos quer mais um voto de confiança dos torcedores. 

"Peço que a torcida venha junto conosco, fazer a pressão que sempre faz", convocou o volante. Recuperado de lesão, ele foi titular da zaga na rodada passada como já vinha ocorrendo com o ex-técnico Fabiano Soares. "A gente vai sair dessa. É a minha convicção. É por isso que trabalho e visto a camisa do Vitória", vibrou.

O Vitória ainda não conseguiu entrar no G8 e está a seis pontos dele. O Ypiranga-RS é o 8º colocado, com 18 pontos. Ainda assim, Alan Santos projeta a classificação à próxima fase da Série C e, posteriormente, o acesso. 

"A gente tem que focar no que acredita e buscar para conseguir o objetivo que é o acesso. É claro que estamos em uma posição ruim, a gente tem confronto direto com quem está em cima, mas nada que vem de fora pode afetar a nossa convicção", disse o jogador, que citou um trecho da Bíblia em demonstração de fé. 

"A gente sempre visualiza o acesso. Tem um versículo que fala: 'Esquecendo-me das coisas que para trás ficam, prossigo para o alvo'. Meu alvo é o Vitória na Série B. Nunca imaginei o Vitória continuar na Série C. Trabalho e busco por isso. A gente tem comentado no vestiário em focar sempre no próximo jogo". 

Para alcançar o feito que Alan Santos e a torcida do Vitória tanto desejam, o Vitória vai precisar apresentar uma sequência de reabilitação. Depois do Figueirense, o desafio será contra o São José-RS, 5º colocado da Série C. O time gaúcho tem os mesmos 19 pontos e 52,8% de aproveitamento do catarinense, mas leva a melhor no número de triunfos. 

O jogo será no dia 10, no estádio Passo d'Areia, em Porto Alegre. A equipe do Sul está invicta como mandante, com quatro vitórias e dois empates, o que a coloca na 5ª posição no ranking de mandates. 

A sequência de três jogos seguidos do Vitória contra times do G8 se encerra diante do vice-líder Paysandu, dono de 22 pontos e rendimento de 61,1% na competição. O jogo será no Barradão, no dia 17, mas o adversário não costuma se intimidar ao atuar em território rival. Com cinco triunfos e dois empates, o time paraense está invicto fora de casa e é o 2º melhor visitante da Série C.  

Os próximos três adversários do Vitória:

Figueirense - 13ª rodada - Barradão - 02/07
6º colocado | 19 pontos | 52,8% de aproveitamento
3º lugar no ranking de visitantes (1 vitória, 5 empates e nenhum derrota)

São José-RS - 14ª rodada - Passo d'Areia (Porto Alegre) - 10/07
5º colocado | 19 pontos | 52,8% de aproveitamento
5º lugar no ranking de mandantes (4 vitórias, 2 empates e nenhuma derrota)

Paysandu - 15ª rodada - Barradão - 17/07
2º colocado | 22 pontos | 61,1% de aproveitamento
2º lugar no ranking de visitantes (5 vitórias, 2 empates e nenhuma derrota)

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas