Quadras e campos de Salvador terão portões fechados e luzes apagadas

coronavírus
02.04.2020, 17:32:00
Atualizado: 02.04.2020, 17:32:22
(Divulgação)

Quadras e campos de Salvador terão portões fechados e luzes apagadas

Medida visa garantir isolamento social das pessoas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Assim como os grandes estádios de futebol em dias sem jogo, as quadras e campos públicos de Salvador ficarão com portões trancados e luzes apagadas a partir desta quinta-feira (2). É que, em momento de isolamento social para dar um freio à disseminação do novo coronavírus, é necessário evitar aglomerações.

A Prefeitura determinou que todos esses espaços, cuja administração é da gestão municipal, sejam trancados com cadeado ou fechados imediatamente. Aquelas estruturas que possuem iluminação também começam a ter as lâmpadas desligadas.

A medida foi tomada após a Polícia Militar identificar aglomeração de pessoas nessas estruturas, que organizavam jogos informais de futebol mesmo em período de quarentena. A prioridade é que sejam fechados o campo do Imeja (Boca do Rio), do Curralinho (Boca do Rio), do Jaqueirão (São Marcos), do Lasca (Ribeira), do Estaleiro (Ribeira), da Pronaica (Cajazeiras), da Boa Viagem (Monte Serrat), do Lobato (Lobato) e do Parque São Cristóvão.

Além delas, a quadra da Praça da Saramandaia também já foi fechada pela Secretaria Municipal de Trabalho Esportes e Lazer (Semtel). O fechamento será feito com prioridade nos equipamentos de maior concentração de pessoas em vias e bairros de grande movimentação, mas todos os 525 campos e quadras de Salvador devem ser fechados.

Também fazem parte da lista as quadras de tênis e poliesportiva do Multishopping (Boca do Rio), a do Imbuí, a da Rua Sá de Oliveira (Plataforma), a do Largo do Tanque e a da Praça João Martins (Barris). 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas