'Querem proibir a produção de ciência', diz Rui sobre ação contra 'disciplina do golpe'

salvador
15.03.2018, 22:06:24
Atualizado: 15.03.2018, 23:37:28

'Querem proibir a produção de ciência', diz Rui sobre ação contra 'disciplina do golpe'

Governador considerou iniciativa um retrocesso

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O governador Rui Costa (PT) criticou a ação judicial contra a disciplina “Tópicos Especiais em História: o golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil” pelas universidades Federal da Bahia (Ufba) e do Recôncavo da Bahia (UFRB). A ação popular foi proposta pelo vereador Alexandre Aleluia (DEM) na 16ª Vara Federal em Salvador.

Crédito: Divulgação/Manu Dias
Governador fez criticas à iniciativa de vereador da capital (Foto: Manu Dias/ Divulgação) 

"Se quer proibir a produção de ciência, do debate... É um atraso que não esperava mais presenciar em meu país", disse.

Rui ainda criticou a intimação do reitor da Ufba, João Carlos Salles, e do professor Carlos Zacarias. 

"A pedido de um vereador, um juiz chama um professor para prestar depoimento sobre um debate que ele quer fazer. Não à ditadura, não à intervenção judicial na universidade", afirmou. O vereador não foi localizado para comentar o assunto.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas