R$ 55 mil até Brotas? Usuários de Uber relatam valores astronômicos em viagens em Salvador

salvador
18.09.2021, 09:40:00
Atualizado: 18.09.2021, 23:00:21

R$ 55 mil até Brotas? Usuários de Uber relatam valores astronômicos em viagens em Salvador

Erro em aplicativo assustou usuários e divertiu nas redes sociais

A viagem era apenas para Brotas, mas tinha o preço de primeira classe para a Europa. Usuários do aplicativo Uber, em Salvador, relataram opções de viagens com valores muito acima do normal na noite desta sexta-feira (18). 

Algumas viagens para trechos dentro da cidade apareciam na tela do aplicativo dos usuários com valores entre R$ 18 mil e R$ 60 mil. 

Uma corrida da Pituba até Piatã custava R$ 55 mil, o valor cobrado para ir de primeira classe até o Japão, pela Emirates, uma das companhias mais luxuosas do mundo.

Por R$ 36 mil, era possível viajar com a família até Paris, ou ir de Nazaré até a Avenida Juracy Magalhães.

Para a maioria dos usuários contatados pelo CORREIO, o erro ocorreu por volta das 18h. Todos os valores apareciam na modalidade UberX, em que, supostamente, tem veículos mais compactos e modestos, como hatchs ou sedãs pequenos.

Carro vem de brinde?

Em algumas corridas, o preço da viagem era maior que o valor do veículo que seria utilizado no transporte.

O estudante de relações internacionais David Pirajá, 20 anos, conta que planejava ir com amigos para o Imbuí e se assustou com o valor. "Quando vimos, estava dando R$ 49 mil. Todos tentaram pelos celulares e apareciam valores muito altos", relatou.

"Eu até fiquei curioso pra pedir e ver se o motorista já me dava o CRV [Certificado de Registro] transferindo o veículo", brinca. O erro durou aproximadamente 10 minutos. Ele e os amigos conseguiram um carro com valor normal em seguida. "Mas ainda assim caro: R$ 20. Uber ficou muito caro em Salvador", protestou.

No Twitter, usuários relataram a cobrança excessiva e divulgaram prints das telas com os valores astronômicos.

Não é possível saber para quantos usuários os valores foram exibidos. Em nota, o Uber diz que se tratou de uma "instabilidade momentânea" que afetou a exibição dos preços na modalidade UberX para alguns usuários, por um breve período. "Nenhuma viagem foi impactada até a exibição ser restaurada. As demais modalidades não foram afetadas", diz a empresa.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas