Ramon destaca atuação de David em virada do Vitória: 'Partidaça'

e.c. vitória
19.06.2021, 22:10:00
Atualizado: 20.06.2021, 21:58:17
Jogadores comemoram um dos gols do Vitória sobre o Brusque (Pietro Carpi / EC Vitória)

Ramon destaca atuação de David em virada do Vitória: 'Partidaça'

Técnico diz que desempenho contra o Inter é referência para buscar o resultado até o fim

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Ramon Menezes conseguiu o seu primeiro resultado positivo na Série B do Campeonato Brasileiro neste sábado (19). O Vitória bateu o Brusque de virada, por 3x1, pela 5ª rodada, em duelo disputado no Barradão.

De cara, para valorizar o resultado, o técnico rubro-negro destacou a qualidade da equipe adversária. O Brusque, ao lado do Náutico, eram os times com 100% de aproveitamento na Série B.


"Jogamos contra um grande adversário. Se você pegar a tabela, eles tinham 9 pontos em 3 jogos disputados. Então o Brusque tem sido um adversário durissimo nesse começo de competição, especialmente fora de casa. Conseguiram vencer duas vezes fora de casa", disse Ramon.

Para conseguir a virada, Ramon disse que tem lembrado muito junto aos jogadores o exemplo do duelo contra o Internacional, pela Copa do Brasil, quando também venceu por 3x1.

"É lógico que a nossa referência, o que eu venho passando muito para os atletas nesse pouco tempo para se trabalhar, foi aquele jogo contra o Inter. Tivemos dificuldades aqui contra o Operário? Tivemos, mas são dificuldades comuns de início de trabalho. Já estou ficando até chato, porque são muitos vídeos, muita palestra o tempo todo para os jogadores. E, no pouco espaço que temos para isso, treinar", disse.

Ramon ainda destacou o trabalho de alguns atletas. Enalteceu a atuação de David, que voltou a ser titular sob o comando dele e a fazer gol após mais de dois meses.

"Você vê que David, hoje, fez uma partidaça. Contra o Remo (jogo anterior) ele não conseguiu fazer o que se esperava dele. Mas, hoje, recebeu mais uma chance e fez tudo o que se esperava dele. E ainda fez o gol. Bruno (Oliveira) foi outro que atuou muito bem. Pedrinho entrou bem. Guilherme (Santos) que fez um gol contra o Inter e hoje entrou de novo. Dinei, que hoje começou jogando. Mas pode acontecer do Samuel na próxima começar jogando. Então, é um grupo. E nós temos que dar oportunidade e contar com todos os atletas", comentou o técnico.

Perguntado sobre a mudança de postura do Vitória na etapa final, ele elogiou a vontade do elenco de buscar a virada: "É isso que a gente quer sempre. Acho que um time bom tem que ter o prazer de jogar futebol. Prazer com a bola e sem a bola, também".

"Sem a bola, o time tem que reagir rapidamente ao perder a posse, pressionar de forma organizada. Então é isso que vamos trabalhar muito aqui para que aconteça sempre. Por que estou falando isso? Porque eles já mostraram que podem jogar assim, com pouco tempo de trabalho demonstraram esse espírito contra o Inter. E por isso foi uma referência para a gente. Então, pelo segundo tempo de hoje, fico feliz pelo comportamento".

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048