Rodallega se diz pronto para substituir Gilberto: 'Responder no campo'

e.c. bahia
03.09.2021, 16:45:00
Atualizado: 03.09.2021, 16:47:02
Com Gilberto suspenso, Rodallega vi ganhar a primeira chance entre os titulares (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Rodallega se diz pronto para substituir Gilberto: 'Responder no campo'

Colombiano será titular no confronto com o Fortaleza, em Pituaçu

Cotado para ser o substituto de Gilberto na partida contra o Fortaleza, neste sábado (4), às 21h, no estádio de Pituaçu, o atacante Hugo Rodallega garante que está bem e preparado para ser a referência do ataque tricolor. Contratado em julho, ele vai fazer o primeiro jogo como titular pelo Esquadrão. 

"Fisicamente agora eu estou bem, tenho muito tempo trabalhando forte no dia a dia, esperando a minha oportunidade para poder jogar um pouco mais e tentar ajudar a equipe. Agora estamos passando um momento um pouco difícil, mas as pessoas precisam entender que estamos fazendo tudo para melhorar e conquistar os três pontos importantes contra o Fortaleza", explicou o colombiano.

O jogador garante ainda que tem tentando uma rápida adaptação ao futebol brasileiro para ficar bem entrosado e conseguir anotar os gols que os tricolores tanto esperam. 

"Estou tentando ficar fisicamente bem, isso é o mais importante para mim. Agora me sinto 100%. Junto com os companheiros eu tenho trabalhado todos os dias para melhorar. Vou encontrar a minha melhor forma de jogar, ter o melhor desempenho e ganhar os três pontos", analisou.

Rodallega vai ganhar uma chance entre os titulares em um momento de turbulência do Bahia na temporada. O tricolor não vence pelo Brasileirão há oito partidas. No período, foram sete derrotas e apenas um empate. Desempenho que colocou o Esquadrão na luta contra o rebaixamento.

Durante a semana, o atacante usou as redes sociais para pedir a união de todos. Agora ele afirma que os torcedores têm razão em cobrar e diz que o elenco precisa responder em campo.  

"O mais importante é ficar todos juntos. Isso é o mais importante para mim enquanto jogador do Bahia. Eu falei para ficarmos todos juntos, estar mais positivo. Não conheço 100% a torcida do Bahia, mas falei com Ramírez, Gilberto, vários jogadores. Eles me falaram que é uma torcida fantástica, mas agora precisamos vencer para que eles fiquem tranquilos. Estamos trabalhando para isso e vou tentar ajudar", iniciou ele. 

"O torcedor tem muita razão pois nós jogadores temos que falar no campo. As redes sociais são boas para se comunicar com os torcedores, mas o jogador tem que falar no campo. Eu estou preparado para jogar e vou tentar ajudar a equipe", continuou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas