Salvador e região metropolitana registram aumento de 43% em incêndios este ano

bahia
19.02.2019, 06:00:00
Atualizado: 19.02.2019, 12:07:45
Incêndio no Tabuão assustou moradores (Arisson Marinho/CORREIO)

Salvador e região metropolitana registram aumento de 43% em incêndios este ano

Em janeiro foram 201 casos contra 140 no mesmo período de 2018

Além de ter registrado a temperatura mais quente do ano nesse domingo (17), Salvador e região metropolitana também têm sofrido com o aumento no número de incêndios. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBM-BA), os casos de fogo em vegetação no mês de janeiro deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado, cresceram 43,6%.

São 201 registros no primeiro mês de 2019 (aproximadamente 6,4 incêndios por dia), contra 140 no de 2018 (média diária de 4,5).

Apesar do calor influenciar na propagação do incêndio - podendo aumentar as chances dele se alastrar - apenas 5% têm causas naturais. De acordo com o tenente Álvaro Serrão, do Corpo de Bombeiros da Bahia, 95% começam por conta da ação humana. 

“O homem pode causar o fogo por uso indevido e ilegal, como fazer queimadas de lixo, mas também fazendo uso legal dele, mas associado à negligência. O fato é que quase todos os casos são iniciados com a ação do homem”, disse.

De acordo com ele, o calor é um dos fatores que podem potencializar a força das chamas. Os ventos fortes e a baixa umidade também impactam no alastramento.

“Além disso, nós tivemos muitas chuvas no ano passado, isso aumentou a quantidade de vegetação disponível, que é como se fosse um combustível para a ação do fogo”, explicou o tenente. 

Ele destacou ainda que, além de ser crime ambiental, o incêndio pode atingir fauna e flora, além de causar problemas respiratórios em quem mora perto de locais que sofreram queimadas.

“Nós achamos muitos animais mortos e algumas espécies da flora podem ser perdidas nesses casos. É importante que as pessoas tenham consciência e tomem cuidado para não ocasionar um incêndio”, disse.

De jogar uma bituca de um cigarro na vegetação até fazer queimadas em lixo - que é ilegal - são muitos os atos que podem ocasionar um incêndio criminoso. 

Nesta segunda-feira (18), por exemplo, um incêndio em uma área de vegetação fez com que um prédio comercial fosse evacuado na Tancredo Neves. Na semana passada, houve também um caso no Tabuão.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/quem-e-lil-nas-x-o-rapper-gay-dono-do-maior-hit-de-2019/
Rapper americano tem apenas 20 anos e está há 16 semanas consecutivas no primeiro lugar da Billboard
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/barra-69-ultimo-show-de-caetano-e-gil-antes-do-exilio-quase-teve-invasao-hippie/
Apresentações no TCA em julho de 1969 completam 50 anos; conheça os bastidores
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/projeto-boa-musica-comeca-com-geraldo-azevedo/
Cantor e compositor se apresenta neste domingo (21) no Othon e divide o palco com a banda Estakazero
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/new-hit-tj-ba-nega-absolvicao-a-musicos-acusados-de-estupros/
Oito integrantes do extinto grupo de pagode foram condenados a dez anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/maragojipe-familia-esta-apreensiva-com-demora-no-julgamento-do-caso/
Testemunhas de defesa são ouvidas nesta sexta-feira (19)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/festival-de-rap-boom-box-recebe-atracoes-como-djonga-e-matue/
Festa rola neste sábado (20), no Armazém Hall, em Vilas do Atlântico
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/claudia-leitte-voltara-aos-palcos-dois-meses-apos-dar-a-luz/
Na reta final da gravidez, cantora planeja retorno às atividades em outubro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cats-musical-com-taylor-swift-e-idris-elba-ganha-trailer-assista/
Clássico da Broadway chega aos cinemas em dezembro e já é forte candidato ao Oscar
Ler Mais