Salvador foi o 3º destino mais buscado do Kayak no Brasil

bazar
20.12.2017, 08:00:00
A Praça municipal (@thyerschagas/reprodução/instagram)

Salvador foi o 3º destino mais buscado do Kayak no Brasil

Capital baiana está também no top 10 de cidades do mundo com maior crescimento em volume de buscas no site de viagens

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Todo ano, o KAYAK, uma das principais ferramentas de planejamento de viagens do mundo, revela os destinos nacionais e internacionais mais populares em seu sistema de buscas. Em 2017, Salvador ficou numa posição de destaque dentro do Brasil: foi a 3ª cidade mais popular do país, ficando atrás apenas de São Paulo e do Rio de Janeiro, primeira e segunda colocadas, respectivamente, e à frente de capitais como Fortaleza, Recife, Brasília, Porto Alegre, Belo Horizonte, Curitiba e Florianópolis (nessa ordem de colocação).

Outro ranking no qual a capital baiana se destacou foi no top 10 dos destinos com maior alta na porcentagem de buscas no ano que está terminando, ao lado de municípios como Toulouse, na França, Lisboa, em Portugal - primeiro e segundo colocado, respectivamente -, Buenos Aires, na Argentina e os brasileiros Foz do Iguaçu, Rio de Janeiro e São Paulo.

A praia do Porto da Barra (Foto: @charles_marques/reprodução/instagram)

A procura por Salvador em 2017 aumentou 23% em relação a 2016. Para Eduardo Fleury, country manager do site no Brasil, o resultado tem provável ligação com o declínio por buscas de destinos internacionais. "O aumento dos (destinos) nacionais vem desde 2016 por conta de, entre outros fatores, dificuldades econômicas pelas quais o país vem passando. Opções nacionais são mais econômicas. Além disso, Salvador tem ganhado destaque como destino de praia do Nordeste, não apenas durante o Carnaval, reflexo dos investimentos que a Prefeitura vem fazendo para desenvolver o turismo da cidade. Não é atoa que, no KAYAK, a cidade foi o segundo destino mais buscado por brasileiros para o Ano Novo", afirma Fleury.

Quem vem
As cidades brasileiras que mais procuraram por Salvador em 2017 foram, nessa ordem: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Recife, Porto Alegre, Curitiba, Fortaleza, Goiânia e Vitória (ES). Segundo Eduardo, um fator de incentivo para esse fluxo é a disponibilidade de vôos diretos - as cinco principais emissoras de turistas para a capital baiana estão ligadas por viagens aéreas sem escalas ou conexões. "Podemos também supor que a alta demanda de cidades como Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte, Goiânia e Brasília tenha relação com as praias de Salvador, muito almejadas no Verão pelos turistas dessas cidades, que não têm costa. Mesmo em Porto Alegre e Vitória, destinos costeiros, o verão é diferente do baiano, com um clima mais ameno. 

O pôr do sol, visto da lateral do Elevador Lacerda (Foto: @vitornassiffe/reprodução/instagram)

No geral
Nacionalmente, destacam-se as capitais, que continuam sendo os polos mais atraentes para os turistas, com destaque para São Paulo, que atrai muitos viajantes com fins comerciais e profissionais. “Já internacionalmente, este ano tivemos uma surpresa com Lisboa desbancando Nova York e Orlando, destinos tradicionalmente queridos pelos brasileiros, ultrapassada apenas por Miami”, afirma Fleury. Santiago e Buenos Aires destacam-se como destinos queridos na América Latina, enquanto as demais opções concentram-se nos Estados Unidos e na Europa.

Na lista de destinos em alta Lisboa aparece novamente em destaque, na segunda posição, superada surpreendentemente por Toulouse, na França. Os demais destinos são todos nacionais, o que, de acordo com Fleury, sugere uma preferência dos brasileiros, ao longo do ano, por destinos mais baratos em função de um cenário econômico desafiador.

Metodologia
A pesquisa foi conduzida na data 12/12/2017 para buscas de voos no site do KAYAK Brasil. Todas as buscas são para voos de ida e volta, através de todos os aeroportos do Brasil, em classe econômica. O período das buscas engloba o período de 01/01/2017 até 01/12/2017 (independente da duração da viagem) e de 01/01/2016 até 01/12/2016 (independente da duração da viagem). O período de viagem é equivalente ao de buscas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas