Santos assume a liderança do Campeonato Brasileiro

esportes
28.07.2019, 22:29:14
Baixinho Soteldo tocou o terror contra o Avaí ( Ivan Storti/Santos FC)

Santos assume a liderança do Campeonato Brasileiro

Já o Flamengo, 3º, venceu o clássico contra o Botafogo

Se estava no retrovisor palmeirense pedindo passagem nas últimas rodadas, com o tropeço do rival, após empate contra o Vasco por 1x1, no sábado (27), o Santos venceu neste domingo (28) e assumiu a liderança. Jogando em casa, a equipe da Baixada Santista fez jus ao favoritismo e conseguiu uma vitória tranquila diante do lanterna Avaí por 3x1. Foi o nono triunfo em 12 jogos do Santos no Campeonato Brasileiro, chegando a 29 pontos, dois a mais que o Palmeiras.

A sexta vitória seguida da equipe treinada por Jorge Sampaoli foi construída com gols de Carlos Sánchez, Derlis González e Felipe Jonatan, já que João Paulo descontou para o time catarinense.

Sedento pela liderança, o Santos começou a partida pressionando o Avaí. Logo aos oito minutos, o paraguaio Derlis González encheu o pé para abrir o placar na Vila, após sobra da defesa catarinense em cobrança de falta de Carlos Sánchez.

Mesmo com o placar aberto, o time de Jorge Sampaoli ainda passou alguns minutos imprimindo a mesma pressão e perdeu mais oportunidades em sequência, uma com Sasha e outra com o zagueiro Betão, quase marcando gol contra.

A partir da segunda metade da etapa inicial, porém, o Avaí começou a avançar suas linhas e mostrou maior poderio ofensivo. Até que aos 27, em jogada pela direita, Léo cruzou para Bruno Sávio, que fez o corta-luz para João Paulo, livre de marcação, acertar o canto direito de Éverson para igualar o placar do confronto: 1x1.

A felicidade da equipe de Alberto Valentim só durou até os 32 minutos, quando uma linda jogada do venezuelano Soteldo bagunçou a defesa avaiana pelo lado esquerdo e encontrou Carlos Sánchez livre dentro da pequena área. O uruguaio testou e desempatou: 2x1.

No segundo tempo, o Peixe continuou soberano. Aos 32 minutos, Felipe deu um banho de cuia em Betão e na sequência bateu para o gol. O chute teve um leve desvio de Pedro Cardoso que acabou por encobrir Lucas Frigeri.

O Santos volta a jogar em casa na próxima rodada, recebendo o Goiás no domingo (3), às 11h. O Avaí, por sua vez, encara o Botafogo no estádio da Ressacada no mesmo dia, só que às 19h.

Flamengo vence clássico
O Flamengo ganhou a motivação que precisava antes da partida decisiva pela Copa Libertadores, quarta-feira (31), contra o Emelec, no Maracanã. O rubro-negro venceu o Botafogo, neste domingo, por 3x2, no clássico carioca pelo Campeonato Brasileiro.

Com a vitória, os comandados do técnico Jorge Jesus se firmaram em 3º lugar na competição, com 24 pontos, três a menos que o Palmeiras e cinco atrás do Santos, vice-líder e líder, respectivamente. O Botafogo, por sua vez, não vence há quatro jogos e perdeu o contato com a zona de classificação para a Libertadores, ficando no meio da tabela, com 16.

Os dois times têm compromissos no meio de semana. O Flamengo faz o segundo jogo contra o Emelec, pelas oitavas de final da Libertadores, novamente no Maracanã. O objetivo é reverter a desvantagem, porque perdeu lá por 2x0 e precisa ganhar por três gols de diferença para chegar às quartas de final. Já o Botafogo vai visitar o Atlético-MG, pela Copa Sul-Americana. Para ficarem vivos, os botafoguenses precisam vencer por dois gols de diferença em Minas Gerais, já que perderam por 1x0 em casa no jogo de ida.

Mesmo com o jogo importante no meio de semana, o técnico Jorge Jesus escalou força máxima, promovendo a estreia do zagueiro Pablo Mari ao lado de Rodrigo Caio, que saiu contundido. Pelo lado botafoguense, Rodrigo Pimpão foi o escolhido para ocupar o lugar de Erik, negociado com o futebol japonês.

Logo após a saída de Rodrigo Caio, o Botafogo abriu o placar com Cícero, de cabeça, após falha de Diego Alves na saída. O empate veio em bela jogada individual de Gerson. Ele recebeu de Rafinha, cortou para o meio e encheu o pé: 1x1.

No segundo tempo, o Flamengo virou com Gabriel batendo de primeira, após rebote da defesa. Aos 21 minutos, em cobrança de falta, Diego Souza acertou o canto esquerdo de Diego Alves, que não alcançou. Para dar números finais à partida, Bruno Henrique, embaixo da trave, só teve o trabalho de empurrar, após passe de Rafinha.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas