'Se continuar roubando, as condições vão desaparecer', dispara Paulo Carneiro

e.c. vitória
30.01.2020, 10:46:00
Atualizado: 30.01.2020, 10:51:33
Presidente do Vitória, Paulo Carneiro detona arbitragem do Campeonato Baiano (Arisson Marinho/ ARQUIVO CORREIO)

'Se continuar roubando, as condições vão desaparecer', dispara Paulo Carneiro

Presidente do Vitória critica arbitragem do Campeonato Baiano em áudio compartilhado em aplicativo de mensagens

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, não ficou nada satisfeito com o empate em 2x2 com a Juazeirense, na noite de quarta-feira (29), no Barradão, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Baiano. O rubro-negro vencia a partida até os 42 minutos do 2º tempo, quando o árbitro Emerson Ricardo de Almeida Andrade marcou pênalti do goleiro João Pedro em cima do zagueiro Kanu. A cobrança foi convertida por Clebson, que deu números finais ao confronto. 

Após o fim do jogo, um áudio do presidente do Vitória foi compartilhado nas redes sociais. Na gravação, Paulo Carneiro critica a arbitragem e faz ameaças. 

"Sabe, como eu não disputo o Campeonato Baiano há muito tempo... Eu estou vendo que as arbitragens da Bahia estão num nível muito baixo. Hoje esse árbitro boçal que apitou aqui marcou um pênalti, no final do jogo, absolutamente inexistente. É só olhar na TV. Kanu nem é tocado, e ele deixa de marcar um pênalti a nosso favor, num chute de Edson, que bate na mão do goleiro, e ele não marca o pênalti. Fora a mão do zagueiro, que ele tinha que ter expulsado. Quer dizer... Eu quero alertar esses árbitros que eles vão ter todas as condições de apitar aqui no Barradão. Mas, se continuar roubando, as condições vão desaparecer. É bom tomar vergonha na cara", avisou Paulo Carneiro. 

Com cinco pontos, o Vitória é o 3º colocado na tabela de classificação do Campeonato Baiano, empatado com o Fluminense de Feira em todos os critérios. O Bahia soma sete pontos e lidera o estadual. A Jacuipense, também com cinco pontos, porém melhor saldo de gols, é a vice-líder. 

Pelo Campeonato Baiano, o Vitória volta a entrar em campo no domingo (2), quando visita o Vitória da Conquista, às 16h, no estádio Lomanto Júnior, em Vitória da Conquista.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas