Sem vencer há sete jogos, Artur diz que Bahia 'peca nos detalhes'

e.c. bahia
20.11.2019, 16:45:00
Atualizado: 20.11.2019, 18:26:33
Artur estava com a seleção sub-23 e volta ao Bahia contra o Goiás (Felipe Oliveira/EC Bahia)

Sem vencer há sete jogos, Artur diz que Bahia 'peca nos detalhes'

Atacante volta ao time contra o Goiás após período com a seleção brasileira sub-23

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O duelo entre Bahia e Goiás, domingo (17), às 16h, em Goiânia, ganhou contornos de decisão para o Bahia. Na nona colocação do Brasileiro, com 44 pontos, o tricolor tem o time goiano na cola. Apenas um ponto separa o esmeraldino, 11º, do Esquadrão. Por isso, vencer será fundamental para se manter na primeira página da Série A.

Uma das apostas do Bahia para levar a melhor no Serra Dourada é o atacante Artur. De volta após a disputa do Torneio de Tenerife com a seleção sub-23, ele afirma que o elenco está focado para não cometer mais erros e reencontrar o caminho das vitórias.

“A gente está pecando nos detalhes. E em jogos importantes, como nessa reta final, a gente não pode errar. Erros grosseiros não podem acontecer. São detalhes, e estamos falhando nisso. Estamos fazendo bons jogos, contra o Palmeiras, vi na Espanha, fizemos um bom jogo. Dava para sair com o triunfo, mas, pelos detalhes, não conseguimos. Temos que ajustar esses detalhes para voltar a vencer”, analisou o camisa 98.

Além de manter vivo o sonho de cravar uma vaga na Copa Libertadores, Artur pede para que a torcida não desanime após a sequência de tropeços da equipe. O time não vence há sete partidas na Série A.

“Sabemos que o torcedor é paixão, euforia. Estávamos fazendo uma baita campanha no primeiro turno e na Copa do Brasil, deixamos uma expectativa bem grande para eles. Não pode perder a fé. A gente não perdeu e pedimos para que eles não percam também. A gente ainda pode chegar”, afirmou o atacante.

Atualmente, a distância do Bahia para o Internacional, primeiro dentro da zona de classificação para a Libertadores 2020, é de seis pontos. O Brasileirão pode abrir mais uma vaga para o torneio caso o Flamengo conquiste a Libertadores deste ano sobre o River Plate em final nesse sábado (23), em Lima, no Peru. Nesse caso, o oitavo colocado, que atualmente é o Corinthians, herdaria a vaga. A distância do tricolor para o alvinegro também é de seis pontos.

“A gente escolheu essa profissão, sabíamos que a pressão seria normal no dia a dia. Precisa saber lidar com essa pressão, a expectativa que todos nós criamos, a torcida também. Quando a gente chegou perto, acho que deixamos o emocional atrapalhar um pouco. Temos que trabalhar isso para não voltar a pecar. E nas nossas vidas futuramente, quando acontecer algo assim, não pecar nesse detalhe emocional. Acredito que temos muita coisa pela frente ainda, faltam cinco jogos que são muito importantes para alcançar nosso objetivo”, finalizou Artur.

Depois do Goias, o Bahia enfrentará Atlético-MG, CSA, Vasco e Fortaleza. Os jogos contra os dois alvinegros serão em casa e os demais, fora.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas