Senador Randolfe Rodrigues desloca o ombro ao tentar defender pênalti; assista

em alta
04.10.2021, 19:40:36
Atualizado: 04.10.2021, 19:48:18
(Foto: Reprodução/Twitter)

Senador Randolfe Rodrigues desloca o ombro ao tentar defender pênalti; assista

Vice-presidente da CPI da Covid se lesionou durante inauguração de praça no Amapá

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid, contou nas redes sociais que deslocou o ombro durante a inauguração de um campo de futebol de grama sintética no município de Mazagão, na Região Metropolitana de Macapá.

O acidente, que foi registrado em vídeo, aconteceu nesse domingo (3), quando o parlamentar resolveu se arriscar debaixo das traves e tentou defender um pênalti cobrado pelo deputado federal Vinícius Gurgel (PL). Acabou levando um gol e caindo sobre o ombro direito, que acabou deslocado.

"Amigos, desloquei o ombro direito quando tentei defender uma bola na manhã de hoje, durante a cerimônia de inauguração de uma arena esportiva no município de Mazagão. Estou bem, já em casa, e agradeço o tratamento recebido pelos profissionais de saúde onde fui muito bem atendido", escreveu o senador no Twitter.

Em outra postagem, Randolfe publicou uma foto com o braço apoiado em uma tipoia, enquanto assistia ao jogo do Flamengo, e brincou com a situação. "Artilheiro quando vai para o gol é assim mesmo (...). Melhor ficar assistindo ao Diego Alves, mesmo", escreveu em referência ao goleiro do clube carioca.

Também pelas redes sociais, o senador informou que está bem e agradeceu a equipe de saúde que o atendeu.

A lesão dentro de campo não deve afetar a presença de Randolfe nos trabalhos da CPI da Covid, que retomam nesta semana. Com informações do G1.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas